Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

5 vantagens dos introvertidos que os tornam únicos

Quem é introvertido sabe: muitas vezes, é difícil 'navegar' num mundo em que, em geral, os extrovertidos e falantes são mais valorizados.

Mas também há vantagens em ter esse tipo de comportamento. Neste post, relacionamos algumas delas. Afinal, como diz um velho ditado, como nascemos com dois ouvidos e uma boca, sábio é aquele que escuta mais e fala menos.

1. Capacidade de observação

Enquanto o extrovertido se sobressai na conversa, o introvertido observa e escuta cada um dos participantes, portanto, pode ter maior capacidade para interpretar rapidamente uma pessoa, já que observa cada detalhe, seus movimentos e gestos, que outros não observam por serem protagonistas.

2. Grandes escritores

Um introvertido tende a ter dificuldade para se expressar em público, seja para evitar a rejeição de outras pessoas seja pela simples falta de interesse, o que é uma vantagem na hora de escrever.

Normalmente tem dom para escrever, pois é capaz de absorver o pensamento de quem o lê e encontra nessa arte uma maneira mais simples de comunicar todos os seus pensamentos e sentimentos decorrentes da observação. Uma escritora famosa é J. K. Rowling, de Harry Potter.

3. Maior criatividade

A arte e a criatividade costumam ser uma grande ferramenta de comunicação das pessoas introvertidas, quando outras formas de se expressar falham. Gênios do nosso tempo, como Larry Page (fundador do Google), Mark Zukerberg (Facebook) e Steven Spielberg são considerados introspectivos.

4. Sabem escutar

Os introvertidos sentem-se constrangidos em conversar com as pessoas que não se sentem confiantes, por isso muitas vezes decidem ficar quietos e apenas ouvir. Você já conheceu um amigo que raramente fala, mas quando o faz diz algo muito sábio? É por isso que os introvertidos observam, ouvem e só se manifestam quando sentem que há algo realmente importante. Saber escutar é uma característica importante para quem atua na política. Não por acaso, um dos mais importantes presidentes da história dos Estados Unidos, Abraham Lincoln era introspectivo. O líder indiano Mahatma Gandhi também tinha essa característica.

5. Valorizam o silêncio

Para um introvertido, não existem 'silêncios constrangedores'. Eles não ficam quietos, porque é difícil falar, mas porque valorizam o silêncio, evitam a todo custo essas conversas banais que não dizem nada e só são destinadas a preencher um silêncio que é desconfortável para os outros. Em vez disso, preferem entreter-se com seus próprios pensamentos. Não gostam de falar quando não há nada que vá acrescentar com sua fala.