Incrível
Incrível

11 Сelebridades generosas que através de suas ações ajudam a tornar o mundo um lugar melhor

Em 2015 Mark Zuckerberg anunciou que durante a sua vida iria doar a maior parte de sua fortuna para a caridade. Além da atitude do criador da maior rede social do mundo, há muitos outros exemplos em que celebridades fizeram doações significativas ou participaram de promoções de várias fundações de caridade, incentivando os fãs a valorizar e a cuidar melhor do planeta Terra, em que todos nós vivemos.

Nós, do Incrível.club, decidimos lembrar as contribuições generosas dos ricos e famosos que, com toda certeza, não podem ser chamados de gananciosos. E, no bônus, contamos aos nossos leitores a história de uma atriz que dedicou décadas de sua vida à caridade.

Gisele Bündchen: 186 mil dólares

Há muito anos Gisele Bündchen está ativamente envolvida em trabalhos de caridade. Ela aloca fundos para o combate à fome, apoia projetos de empoderamento das mulheres e encabeça projetos ambientais.

Em 2020 Gisele criou o Fundo Luz Alliance e fez para a instituição uma doação de um milhão de reais (mais de 180 mil dólares). O fundo ajuda as famílias brasileiras mais vulneráveis a superar a crise.

Jennifer López: 1 milhão de dólares

Jennifer Lopez doou um milhão de dólares para a reconstrução de Porto Rico. Após os furacões Irma e Maria, que devastaram a ilha do Caribe, a cantora não conseguiu entrar em contato com seus parentes que vivem na ilha, e decidiu ajudar as vítimas do desastre ambiental.

David Beckham: cerca de 1,4 milhões de dólares

David Beckham é o Embaixador da Boa Vontade da UNICEF. No início deste ano foi revelado que o ex-jogador fez à organização uma doação enorme de 1 milhão de libras (mais de 1.350 milhões de dólares).

Este não é o primeiro ato de caridade de David. Enquanto jogava no Paris Saint-Germain, ele repassava seus salários para uma instituição de caridade que ajuda crianças em Paris.

Brigitte Bardot: cerca de 3,5 milhões de dólares

Em uma entrevista a atriz francesa Brigitte Bardot admitiu que gostaria de ser lembrada como “a fada dos animais” por seu trabalho filantrópico, e não por suas atuações no cinema.

Desde os anos 70 Bardot tem ajudado os animais de todas as maneiras possíveis, e é uma ativista dos direitos dos animais. Há mais de 30 anos a atriz dirige uma fundação de sua autoria, e uma das decisões dessa fundação foi a criação de um abrigo para animais. Nos últimos anos, só na melhoria da insonorização do abrigo foram gastos três milhões de euros.

Leonardo DiCaprio: 5 milhões de dólares

Leonardo DiCaprio criou a sua própria fundação em 1998, quando tinha 24 anos, dedicada à proteção do meio ambiente. A fundação aloca recursos à preservação da natureza e à eliminação das consequências da atividade humana.

Além disso, o ator doou cinco milhões de dólares para ajudar a combater os incêndios florestais na Amazônia.

Michael Jordan: 10 milhões de dólares

No ano passado Michael Jordan anunciou que nos próximos 10 anos doará 100 milhões de dólares a organizações que lutam por justiça social e por acesso igualitário à educação para todas as pessoas. Além disso, o astro do basquete doou 10 milhões de dólares para a construção de clínicas médicas.

Oprah Winfrey: 12 milhões de dólares

Oprah Winfrey não é apenas uma personalidade famosa da mídia, mas também uma filantropa. Uma de suas doações recentes foi a transferência de 12 milhões de dólares a organizações dedicadas a ajudar comunidades carentes em cinco cidades americanas nas quais ela já fixou residência.

Mark Zuckerberg: 300 milhões de dólares

No outono de 2020 Mark Zuckerberg e sua esposa, Priscilla Chan, decidiram doar 300 milhões de dólares para ajudar a defender os valores democráticos.

Os fundos foram transferidos para duas organizações públicas. A maior parte foi para o Centro de Tecnologia e Vida Cívica e o resto, para o Centro para a Inovação e Investigação Eleitoral.

Jeff Bezos: 10 bilhões de dólares

Atualmente Jeff Bezos é o homem mais rico do mundo. Ele gerencia um negócio de sucesso, viaja ao espaço e gasta milhões de dólares em caridade. O empresário patrocina projetos de combate às mudanças climáticas e apoia o ativismo ambiental.

No ano passado Bezos destinou para essas finalidades 10 bilhões de dólares.

Bill Gates: a metade da fortuna

Em 2010 Bill Gates, sua esposa Melinda e o investidor Warren Buffett assinaram o acordo nomeado “Giving Pledge”, através do qual assumiram a obrigação de doar pelo menos 50% de sua riqueza para instituições de caridade.

Desde então, mais de 200 outras pessoas de diferentes países já assinaram o “Giving Pledge”.

Chuck Feeney, 99% da fortuna

Chuck Feeney é o fundador da gigante do varejo aeroportuário Duty Free Shoppers, cuja fortuna foi estimada em 7,5 bilhões de dólares. Em 1982 ele criou a fundação The Atlantic Philanthropies. Durante 15 anos, a organização operou anonimamente, mas devido a certas circunstâncias comerciais, em 1997 a identidade de Feeney foi revelada.

Em novembro do ano passado, a fundação se dissolveu, pois havia cumprido sua missão e finalizado a entrega das doações. Atualmente Feeney tem 2 milhões de dólares.

Bônus: Angelina Jolie

A famosa beldade de Hollywood encanta os fãs não apenas por seu talento, mas também pela participação em importantes projetos sociais. Sua própria fundação ajuda crianças em países do terceiro mundo, constrói hospitais, reforma escolas e luta pela proteção dos direitos das mulheres.

Além disso, Angelina tem seis filhos, três dos quais adotou. Na estreia do filme Eternos, a filha mais velha da atriz, Zahara, usou um vestido que sua mãe vestiu no Oscar de 2014.

Na sua opinião, os famosos fazem grandes doações pela bondade dos seus corações ou apenas para criar uma imagem pública decente? Deixe o seu comentário!

Incrível/Gente/11 Сelebridades generosas que através de suas ações ajudam a tornar o mundo um lugar melhor
Compartilhar este artigo