Incrível
Incrível

11 Coisas que os clientes fazem com boas intenções, mas que podem irritar funcionários de restaurantes

Quando nos dirigimos a um restaurante, esperamos passar momentos agradáveis e, em grande parte, a qualidade do serviço recebido tende a ser crucial na hora de decidir se voltaremos ou não àquele estabelecimento. Mas, às vezes, esquecemos que, para receber o melhor serviço possível, também precisamos ser bons clientes e abrir mão de determinadas atitudes que, apesar das boas intenções, não costumam agradar os profissionais do restaurante.

Incrível.club assumiu a missão de se aprofundar no tema, trazendo a você uma lista de coisas que se deve evitar nos restaurantes com a intenção de não incomodar os funcionários do local. Confira!

1. Ignorar a apresentação e o menu especial

Ainda que você já tenha em mente o que irá pedir, o recomendável é demonstrar respeito e ouvir o garçom quando ele se apresentar. Além dos pratos especiais e das promoções, é provável que o profissional diga seu nome, informação que você deve memorizar. Até porque, assim, fica mais fácil de localizá-lo e fazer com que ele se sinta especial, algo que certamente pode impactar na qualidade do serviço.

2. Evite conversas longas demais

Não há o menor problema em ser gentil e querer manter uma conversa agradável. Porém, lembre-se de que tanto a hostess quanto os garçons estão em horário de trabalho, e que há muitos outros clientes esperando por atendimento. Por isso, o ideal é respeitar o tempo e o espaço do trabalhador evitando conversas longas e perguntas pessoais com potencial para causar desconforto.

3. Não ter paciência e pedir a outro garçom

Geralmente, os garçons contam com uma organização específica para atender às mesas. Se você perder a paciência e passar a fazer pedidos para o primeiro garçom que passar, acabará causando uma grande confusão, atrasando o fluxo de trabalho. Espere pacientemente a aproximação do profissional encarregado da sua mesa, e lembre-se de não interrompê-lo quando ele estiver falando com outros clientes.

4. Não corrigir os erros no pedido

Somos humanos e todos cometemos erros eventualmente, então é possível que você receba na mesa algo que não pediu. Nesses casos, o cliente não precisa reclamar de forma grosseira, mas também não deve ficar calado e fingir que está tudo bem, deixando uma gorjeta menor ao fim da refeição. Gentilmente, mostre ao seu garçom o que veio errado em seu pedido. Ele certamente oferecerá uma solução para o problema e, após comer, é capaz que você nem se lembre do incidente.

5. Não lembrar o que pediu

Esse ponto é importante para ter em mente, sobretudo se você for ao restaurante com um grupo grande de pessoas. Leve em consideração que o garçom chegará com uma bandeja cheia de pratos e bebidas, então seria muito incômodo deixá-lo esperando e fazer com que ele dê voltas pela mesa enquanto cada um tenta lembrar exatamente qual foi o respectivo pedido.

6. Pedir ao garçom que tire fotos

Talvez seja seu aniversário ou uma ocasião especial com seus entes queridos e você queira registrar o momento em belas fotos. Contudo, não esqueça que a pessoa atendendo está ocupada, com outros clientes para dar atenção. Além disso, não é legal passar ao garçom a responsabilidade de cuidar do seu celular ou da sua câmera. Prefira pedir a outro convidado que tire a foto ou, melhor ainda, não esqueça que é para tais horas que servem as selfies.

7. Afastar o prato após terminar de comer não ajuda

Trata-se de um erro bem comum, e tendemos a pensar que estamos ajudando os funcionários, mas a verdade não é bem por aí. Afastar os pratos pode dificultar para o garçom a tarefa de alcançá-los, e ele pode até ser advertido pela gerência por não seguir o protocolo. O melhor é esperar que a pessoa responsável pelo atendimento se aproxime perguntando se seu prato pode ser recolhido. E não esqueça que cada restaurante tem suas próprias regras de serviço.

8. Deixar seus objetos pessoais em cima da mesa

Além de limitar o espaço disponível, deixar o celular ou os óculos sobre a mesa dificulta o trabalho dos garçons, podendo gerar grande estresse. Acidentes acontecem, e ninguém gostaria de ganhar gotas de café quente nem rachaduras na tela do smartphone, coisas facilmente evitáveis. Mantenha seus pertences guardados e reserve a mesa para comidas e bebidas.

9. Pedir uma coisa de cada vez

Após receber seu pedido, é possível que você precise de algo a mais. Nessas horas, não é preciso hesitar em pedir ao garçom. O que você deve evitar de fazer é solicitar um garfo a mais dois minutos após pedir o molho e de se lembrar que seu filho queria água. Prefira conferir tudo que está faltando e checar com as demais pessoas da mesa de modo a pedir tudo de uma vez ao garçom, evitando retornos desnecessários do profissional.

10. Pedir contas separadas ao fim da refeição

É normal que você queira evitar confusões envolvendo o valor a ser pago por cada pessoa, sobretudo se estiver no local com muitos amigos. Entretanto, pense em como será complicado para o garçom separar as contas no final, assim como no valioso tempo exigido para receber de cada cliente. Isso pode até causar problemas se houver outras pessoas esperando por atendimento. O melhor é avisar desde o início que preferem receber contas separadas ou se organizar com o grupo para dividir o valor da conta total.

11. Utilizar formas de pagamento diferentes ou dinheiro muito trocado

Se você quiser mesmo ajudar os funcionários do restaurante, o ideal é facilitar o pagamento ao máximo. Pedir que dividam certo valor entre dois cartões e depois pagar o restante em dinheiro pode ser incômodo e inconveniente, assim como entregar todas as moedas encontradas em seu porquinho antes de sair de casa. Prefira se organizar com todos da mesa e usar um único método de pagamento. Isso facilitará não só a sua vida, mas também a do garçom.

Não esqueça de que demonstrar educação e empatia por quem nos atende torna a experiência muito mais agradável. Deixe um comentário contando qual seu restaurante preferido e o que faz do serviço por lá algo tão especial!

Incrível/Gente/11 Coisas que os clientes fazem com boas intenções, mas que podem irritar funcionários de restaurantes
Compartilhar este artigo