Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

O que fazer se o cartão ficar preso no caixa automático

Você sai de férias e decide sacar dinheiro no caixa automático mais próximo ao hotel. Durante a tentativa, você não apenas não consegue sacar como o seu cartão fica preso na máquina. Longe de casa e do seu gerente, a situação causa desespero.

Mas calma. Dá pra sair dessa numa boa, sem ser vítima de golpe. A seguir, explicaremos a melhor forma de lidar com essa situação. Mais informações aqui e aqui.

Existe mais de uma razão para isso, aqui estão as mais frequentes:

  • Você colocou 3 vezes o PIN (senha) incorreto. Em alguns caixas no exterior, o caixa entende que você não é o dono do cartão, é apenas uma pessoa que o encontrou ou o roubou e quer sacar dinheiro com ele.

  • O cartão está danificado. Se o campo magnético estiver muito deteriorado o caixa pode reter o cartão porque isso, para a máquina, pode parecer suspeito.

  • Ocorreu uma falha no funcionamento do caixa. Nesse caso, na tela deve aparecer um aviso de erro. Normalmente, deve sair um comprovante com um código explicando o problema. Mas isso pode não acontecer se, por exemplo, o caixa for bloqueado completamente.
  • Em primeiro lugar, tente apertar várias vezes o botão 'cancelar', ou 'anular'. Às vezes, o caixa automático simplesmente para de mostrar o menu.

  • Se estiver em horário de expediente, peça ajuda a um funcionário do banco identificado com jaleco ou crachá.

  • Caso não esteja em horário de expediente, não saia de perto do caixa durante os próximos 20 minutos. Da mesma maneira que ele ficou bloqueado, ele pode desbloquear após um tempo.

  • Se o caixa automático não devolver o cartão, você terá que ligar para o banco ao qual pertence a máquina, para saber o que realmente aconteceu. O telefone do banco costuma estar indicado no caixa. Em alguns casos, existe um telefone de contato na área dos caixas eletrônicos.

Pode parecer estranho, mas trata-se de um caso de sorte. Se o cartão ficar preso em um caixa automático do seu banco, você pode recuperá-lo em poucas horas. Para isso, faça o seguinte:

  • Ligue para o seu gerente e explique o que aconteceu. Dê todos os seus dados, dados do cartão, responda às perguntas de segurança ou bloqueie o cartão por telefone. Se o caixa estiver dentro da agência do banco, é provável que eles devolvam o cartão no local. Senão, eles podem pedir que você vá até a sua agência para buscá-lo.

Nesse caso, você terá que falar com o seu banco e com o banco do caixa em questão. Faça o seguinte:

  • Ligue para o banco do caixa automático e pergunte qual o procedimento deles nesses casos.
  • Depois, ligue para o seu banco. Talvez você tenha que mostrar uma prova ao banco do caixa que é o titular do cartão. Dessa forma, eles podem devolvê-lo. O processo pode levar de 2 horas a uma semana, em média.

Essa situação é mais complexa e mais desagradável. Nesse caso, o procedimento de devolução é o mesmo. Ligue para o seu banco e peça uma carta de prova. Em seguida, mostre a carta para a entidade bancária do caixa automático.

Mas saiba que, se você estiver em outro país, a devolução pode demorar algumas semanas. Portanto, sempre tenha um plano B.

Ligue para seu gerente e verifique o que fazer. Uma das opções é cancelar o cartão. Ok, pode ser que você gaste um pouco com uma ligação internacional, mas lembre-se de que é sua conta bancária que está em jogo.

  • Solicite um cartão adicional ao mesmo banco. Se você estiver de férias, talvez não tenha a possibilidade de ir em mais de uma agência para averiguar o problema. Se o seu cartão principal ficar preso e você tiver outro, você pode transferir o dinheiro por telefone ou até mesmo pela Internet.
  • Não use caixas automáticos que não tenham um telefone visível para ligar. Em casos assim, você pode não apenas perder o cartão, como o seu dinheiro.
  • Tenha sempre em mãos o telefone do seu banco. Dessa forma, você poderá sempre bloquear o cartão ou transferir o dinheiro para outra conta, evitando problemas.
  • Segundo o Procon-SP, se o cliente tomou todos os cuidados com o cartão e, mesmo assim, ele ficou preso, o ônus pela emissão de um novo cartão é do banco.
Imagem de capa otama