Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Preste atenção a estes detalhes simples para nunca comprar um produto falsificado

--1-
23k

Enquanto as marcas brigam contra as cópias ilegais, os consumidores continuam cedendo à tentação de comprar mercadorias falsas. Embora elas sejam mais baratas, elas duram muito menos e têm muito menos qualidade.

Para que isso não aconteça, fizemos uma lista com 10 marcas e as recomendações para que você não compre cópias falsas desses produtos.

Uma fonte importante de informação é o Fórum Nacional Contra a Pirataria. No site, você pode denunciar falsificações e saber mais.

A seguir, os detalhes que mostram quando um produto é falsificado.

10. Cosméticos MAC

  • Observe com atenção. Os estojos do cosmético têm uma superfície coberta com pedacinhos brilhantes que lhes dá mais cor. As cópias vêm em embalagens sem brilho.
  • Verifique o nome do produto. Diferente dos produtos autênticos da MAC, as cópias são vendidas com outros nomes. Para comprovar sua autenticidade, basta entrar no site da marca e procurar o nome do produto. Se não estiver no site, é um produto falsificado ou um produto que já não é mais fabricado.
  • Explore o logotipo da marca e as letras na caixa. A MAC tem seu próprio símbolo, com letras únicas, usadas em todas as caixas. Os cosméticos falsos têm o mesmo logotipo, mas as letras aparecem de outra maneira. Além disso, as letras podem aparecer em outros lugares.

9. Botas UGG

  • Verifique o país fabricante. A UGG é uma marca comercial registrada e dirigida pela empresa norte-americana Deckers Outdoor Corp., e o processo de manufatura não é realizado na Austrália ou na Nova Zelândia. Os UGG autênticos são fabricados em 3 países: China, Vietnã e Estados Unidos.

  • O método mais eficaz para comprovar se o produto é falsificado é ver se a etiqueta na caixa tem o código QR e um selo com o código QR na bota esquerda. Existe um app para verificar se o selo é original. Se a bota for verdadeira, o app abre o site oficial da marca.

8. Bolsa Michael Kors

  • O logotipo pendurado e metálico na bolsa original combina com as cores dos outros acessórios. Além disso, os fechos, correntes e outros acessórios também indicam se a bolsa é ou não é verdadeira. A original é feita de metais de boa qualidade e que pesam muito.
  • Os modelos são fabricados na China, no Vietnã, na Indonésia e na Turquia. Falsificadores sempre dizem que a bolsa foi fabricada na Itália ou na França.
  • Desde 2015, a marca coloca na costura uma etiqueta com um código de 10 símbolos. Ela se refere ao número do modelo e o lote de fábrica. Você pode comprovar o código no site oficial.

7. Joia PANDORA

  • O sinal comum da marca PANDORA são as letras ALE, que significam Algot Enevoldsen, o nome do pai do fundador da empresa.

  • Na pulseira, é preciso prestar atenção. As letras não brilham.

  • Em 2011, a empresa PANDORA acrescentou as letras maiúsculas nos metais preciosos com a seguinte indicação: 'S' para a prata (S925) e 'G' para o ouro (14 quilates é G585 e 18 é G750). Essa marcação aparece em cada peça. Se ela não estiver lá, ou se estiver separada do selo ALE, é uma cópia.

6. Isqueiro Zippo

  • O som da faísca de um Zippo original é único e está patenteado. Confira as características de autenticidade aqui.
  • Observe com detalhes o fundo do isqueiro, porque o Zippo original tem um selo que confirma a sua autenticidade e permite saber a data de fabricação de cada um deles.
  • Observe a roda dentada que produz a faísca. No Zippo original, ela é produzida com materiais poliméricos e contém um fio metálico entrelaçado.

5. Botas Timberland

  • O fabricante sempre coloca a etiqueta de nobuck na bota direita. Na etiqueta de pele estão representados o logotipo com o escrito 'Guaranteed waterproof' (garantia à prova d' água). Nos modelos falsos, são colocadas etiquetas de outro material. Além disso, é muito importante ver o logo queimado na parte exterior da bota.
  • A Timberland é uma empresa norte-americana, mas a fabricação é feita na China e na República Dominicana. Falsificadores costumam dizer que a bota foi produzida nos Estados Unidos.

  • Outro aspecto dos Timberland originais é que eles têm o seu próprio número. Você pode verificar o número do modelo na internet.

4. Fones de ouvido Beats

  • Na caixa original o número de série deve estar estampado em uma etiqueta no canto. Nos fones falsos, a estampa fica na caixa.

  • O texto da caixa original vem em 5 idiomas: inglês, alemão, francês, espanhol e italiano. Se houver mais ou menos idiomas, o produto é falso.

  • Na parte de fora do fone e no fio a marca Beats deve estar marcada e visível. Nos modelos falsos, as letras estão pintadas com tinta barata.

3. Tênis Adidas

  • Observe atentamente a caixa. Todas as letras precisam estar alinhadas. O número de série do produto na caixa deve coincidir com o número que está escrito no interior da língua do tênis. O número de série no tênis esquerdo e direito são diferentes. Se os números forem iguais, é um produto falsificado.
  • No produto original, o logotipo é estampado, nos falsos, ele é colado ou desenhado. Presente atenção aos furos por onde passam os cadarços. Veja como eles são no site oficial.
  • Outro sinal de falsificação pode ser um pequeno triângulo costurado no calcanhar. Os originais não têm este triângulo.

2. Bolsa Louis Vuitton

  • Observe com atenção a bolsa. O LV sempre fica dentro da costura.
  • Olhe dentro da bolsa: as cores de tudo precisam necessariamente combinar com as cores das alças e da decoração de couro.
  • Todas as bolsas Louis Vuitton têm seu selo na etiqueta de pele onde está marcado o país de fabricação (podem ser cinco: França, Itália, Espanha, Estados Unidos e Alemanha). Cada bolsa tem o seu próprio código, que apresenta duas letras e 4 números. As letras indicam o lugar de fabricação e normalmente não coincidem com as do exterior.

1. iPhone, iPod, iPad

  • O método mais seguro para evitar a falsificação é verificar o número de série no site da Apple. Para isso, você precisa encontrar o número na configuração do sistema. O número deve ser o mesmo que o do SIM e o da caixa do iPhone. Coloque o número neste site. Se o aparelho for original, o site dará as especificações correspondentes sobre o modelo, a validade da garantia e outros detalhes.
  • Outro método para determinar a autenticidade dos produtos Apple é a sincronização com o iTunes. O programa determina automaticamente o dispositivo conectado mostrando toda a informação sobre ele e se ele é ou não é falso.
Imagem de capa blog.jiji
--1-
23k