Incrível
Conheça o Banco de Tempo, uma forma de trocar serviços sem gastar um centavo

Conheça o Banco de Tempo, uma forma de trocar serviços sem gastar um centavo

----
181

A proposta é simples e, na verdade, bem antiga. João, que dá aula de inglês, se cadastra e oferece uma hora de ensino. Carlos, por sua vez, cede uma hora de trabalho com madeira. E Marcos dá aulas de informática. Assim funciona o Banco de Tempo, um serviço que permite a 'troca dessas habilidades' como se fosse um escambo de serviços e, claro, sem o uso de dinheiro.

O serviço existe em vários países, como Argentina, a Colômbia, o Chile, a Costa Rica e o México. No Brasil, há um serviço parecido, assim como em Portugal.

O banco de tempo funciona de modo parecido com o banco normal, só que, em vez de dinheiro, a moeda, aqui, é mesmo o tempo de trabalho. Usou uma hora de um curso de Alemão? Você fica em débito. Para compensar essa hora, você pode prestar uma hora de serviço com sua habilidade (aulas de música, trabalhos de artesanato, personal trainning, culinária, etc).

Na prática, todos os serviços que já mencionamos (aulas de inglês, de informática, treinos, etc.) acaba sendo transformado em uma única unidade (moeda): os créditos de tempo.

Esse sistema fortalece a integração entre as pessoas porque mostra que todo ser humano pode ter algo valioso para contribuir com outras pessoas.

Fonte Wikipedia
Imagem de capa Depositphotos
----
181