13+ Roupas da moda que desvalorizam as curvas femininas

Todos os anos, blogueiras e revistas femininas famosas reúnem criteriosamente catálogos antitendências da moda. Algumas roupas entram na lista com uma frequência invejável, já que são incrivelmente difíceis de combinar com outras peças, além de destacarem ainda mais as pequenas “imperfeições” ao invés de disfarçá-las. Mesmo assim, essas vestimentas insistem em aparecer nas prateleiras das lojas e nos guarda-roupas de muitas mulheres.

Incrível.club elaborou minuciosamente um post enumerando roupas, sapatos e acessórios com os quais todo mundo deve ter muito cuidado na hora de usar. Algumas peças, por mais na moda que estejam, podem acabar não valorizando o melhor de sua aparência. No final da postagem, você ainda verá no bônus um exemplo que prova que algumas regras existem para serem quebradas.

1. Vestidos e saias mullets

Vestidos e saias com corte assimétrico alongam visualmente as pernas. Mas o problema é que os joelhos nesse tipo de roupa geralmente ficam bem no centro e destacados, fazendo com que as pernas, mesmo as mais retinhas, fiquem parecendo tortas. Além disso, esse estilo de saia adiciona volume aos quadris. Para chamar a atenção para as pernas de um jeito certo, você pode dar preferência a saias e vestidos com fenda na lateral.

2. Calças capri

A singularidade do corte da calça capri pode quebrar visualmente a silhueta e adicionar volume extra. O comprimento inacabado das calças encurta o corpo, tornando-o mais robusto. Já a variação dessa calça no estilo militar também agrega volume às pernas devido aos bolsos largos e a folga excessiva.

3. Suéteres e vestidos de malhas finas

Geralmente todas as peças feitas desse tecido ficam muito coladas no corpo e não possuem forma nenhuma. Até mesmo as mulheres mais esbeltas se transformam em “palitinhos” sem curvas. Afinal, a malha fina acaba, sem querer, enfatizando todas as irregularidades da silhueta: gordurinhas, preguinhas, barriga etc. Além disso, os contornos da lingerie muitas vezes ficam visíveis através do tecido, correndo o risco de ser inapropriado para certas ocasiões.

4. Calças afegãs

As calças largas de algodão (afegãs) são na verdade extremamente confortáveis​. Mas, infelizmente, violam catastroficamente as proporções, praticamente deformando o corpo da pessoa. As pernas parecem curtas porque começam nos joelhos e o tecido pesado cria um volume extra nos quadris. Basicamente, esse tipo de calça cria uma silhueta muito desproporcional.

5. Presilhas de cabelo com pérolas

As presilhas de pérolas foram colocadas recentemente na lista antitendência. Primeiro porque, dependendo do modelo, podem parecer infantis para mulheres mais velhas. Em segundo lugar, porque as pérolas têm formato redondo e são ideais apenas para jovens com rosto oval. O acessório vai enfatizar todas as características angulares e, em contraste, o rosto pode não parecer tão delicado.

6. Sutiãs push-up

A moda de empurrar os seios para cima, praticamente pulando para fora do decote igual a espartilhos antigos, já está ultrapassada. Além disso, essa peça muitas vezes deixalook fora do estilo para determinadas ocasiões. Só vale a pena usar um sutiã push-up se você tiver certeza que se sente absolutamente confortável nele e se a peça estiver bem discreta sob as roupas.

7. Meias-calças com estampa abstrata

Meias-calças estampadas em tons cinzentos ou bege, na maioria das vezes, dão a impressão de longe que a pessoa tem algum problema ou doença de pele. Alguns modelos também podem acabar criando um efeito de pernas não totalmente depiladas, mesmo estando sem pelos. Se quiser diversificar o seu look, procure por collants escuros estampados com desenhos bem definidos, geométricos, símbolos ou meia arrastão.

8. Sapatos de bico fino e salto baixo

Esses sapatos elegantes têm uma grande desvantagem: eles aumentam visualmente o pé. Por isso, sandálias de bico fino planas ou com saltos baixos não vão calçar bem meninas com número de calçado acima de 38. Além disso, esses sapatos normalmente apertam os dedos dos pés, podendo causar dor e calos.

9. Calça culotte

As novidades da moda são arriscadas porque muitas vezes podem deixar o corpo sem forma. É muito importante prestar atenção com o que usar as calças culottes: sapatos elegantes fazem com que essas calças pareçam mais com uma saia, já com tênis ficam parecidas com pijamas.

10. Jaqueta com ombros largos

No século XX, a moda de roupas com ombros largos teve um significado histórico feminista: demonstrar através da vestimenta a igualdade entre homens e mulheres. Essa tendência voltou à sociedade moderna, mas não é todo mundo que fica fashion com jaquetas de ombros largos.

Esse modelito ajuda a criar uma silhueta harmoniosa para as meninas que têm forma de pêra, pois ajuda a equilibrar as partes superior e inferior do corpo. Já moças com forma de triângulo invertido devem evitar essas roupas, pois podem aumentar ainda mais os ombros.

11. Casacos super oversize

Casacos gigantescos, que parecem que foram emprestados por uma pessoa bem maior que você, às vezes aquecem melhor do que um cobertor de lã. No entanto, modelos excessivamente grandes parecem ridículos e alguns até se tornaram memes. Dependendo do modelo oversized, os voluminhos extras acabam sendo destacados nos lugares errados. Portanto, é melhor apostar nas roupas do seu tamanho.

12. Mom jeans

Esse modelo de jeans torna visualmente os quadris mais arredondados e a silhueta mais cheinha e feminina, por isso, mom jeans são ideais para mulheres com quadris estreitos ou com o corpo em forma de ampulheta. Mulheres de baixa estatura com forma de pêra não devem usar esses jeans, porque desfavorecem seus quadris. Qualquer volume extra será enfatizado por essas calças. Além disso, normalmente esse modelo de jeans é muito justo nos quadris, podendo achatar um pouco o bumbum.

13. Jaquetas cropped

Essa jaqueta muitas vezes divide desproporcionalmente a silhueta em duas partes, tornando-a mais pesada e aumentando muito os ombros. Além disso, jaquetas curtas destacam a barriga e a cintura, então devem ser evitadas por quem não quer chamar atenção para essa área. Você pode dar preferência às peças clássicas e esportivas de jaquetas com corte estilo livre, que caem bem em absolutamente qualquer pessoa.

Bônus: cropped para todas

Obviamente, tudo o que foi mencionado acima nada mais é do que recomendações gerais de estilo. Afinal, quem segue o mundo da moda sempre gosta de se manter atento às últimas novidades e tendências de looks. Na vida real, você pode vestir absolutamente qualquer roupa que te faça feliz e confiante ao se olhar no espelho. E mulheres de todo o mundo já provaram isso.

Em uma das edições da revista O, The Oprah Magazine, foi publicado um artigo onde o autor recomendou às mulheres com curvas acentuadas a desistirem de vestir roupas cropped. Em resposta, diversas garotas se uniram e decidiram organizar um protesto: assim a hashtag #RockTheCrop imediatamente bombou na web, que foi apoiada por milhares de mulheres (você pode clicar no link e ver o resultado). Elas postaram suas fotos com peças cropped, acompanhadas de legendas empoderadíssimas: “Visto tudo que me deixa feliz!”

E você, de qual peça não abriria mão em prol da moda? Comente!

Compartilhar este artigo