Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

12 Coisas que é melhor eliminar para sempre das redes sociais

Hoje em dia, boa parte das pessoas usa pelo menos uma rede social. Postamos publicações sobre nossos planos para o futuro, curtimos as fotos dos nossos amigos, compartilhamos notícias e nos comunicamos. Passamos horas no Facebook, Instagram, Twitter, Youtube...

E embora muitas redes sociais tentem proteger os dados pessoais dos usuários, algumas informações, por serem públicas, podem acabar servindo de matéria prima para golpistas.

Assim, o Incrível.club resolveu compartilhar com você alguns segredos capazes de proteger contra pessoas cheias de más intenções.

12. Geolocalização

Você já deve ter percebido que, muitas vezes, as informações sobre sua localização aparecem de forma automática. Nas configurações das redes sociais, esse dado quase sempre vem nos ajustes predeterminados. Isso abre margem para que qualquer pessoa saiba onde você mora, que lugares visita e onde passará as férias. Só você pode decidir se vale a pena ou não correr riscos deste tipo.

11. Número de telefone

Associar o número do seu celular com suas contas é uma prática comum, que facilita o acesso às redes sociais. No entanto, embora esse costume garanta maior praticidade, ele não está isento de sofrer com fraudes. Na melhor das hipóteses, você pode ganhar um admirador secreto ou virar alvo de trotes passados por adolescentes entediados. No pior dos cenários, seu número de telefone pode facilitar a invasão das suas páginas pessoais caso os meliantes tenham a intenção de usar sua conta para satisfazer os próprios objetivos.

10. Data de nascimento

A data de nascimento é uma peça de informação importante, assim como seu nome e endereço residencial. A partir dela, os golpistas podem facilitar o acesso à sua conta pessoal ou até mesmo bancária.

9. Fotos com passagens, cartões bancários e documentos pessoais

Alguns viajantes sentem a necessidade de publicar fotos no aeroporto mostrando a passagem aérea e comentando sobre a tão esperada viagem. Mas é melhor evitar essa imprudência: o código de barras do seu cartão de embarque é único, e pode ser usado para acessar seus dados pessoais que foram passados à companhia aérea.

Outro erro frequentemente cometido pelos internautas que querem compartilhar um acontecimento bacana: publicar foto do novo cartão bancário, do novo passaporte, do diploma obtido ou da carta de motorista. Lembre-se: nunca publique esse tipo de fotos em suas redes sociais. Essa, em todo caso, é sempre uma péssima ideia.

8. Posts sobre planos futuros

Ao compartilhar com seus amigos seus planos para o próximo fim de semana, você deixa um rastro fácil para criminosos que planejam assaltar. O site britânico "This is Money" ("Isto é Dinheiro") recomenda aos clientes vítimas de roubo durante viagens que o seguro pode se recusar a pagar indenização caso a pessoa tenha compartilhado seus planos nas redes sociais.

7. Informações relacionadas ao seu trabalho

Há o registro de vários funcionários que foram demitidos por terem publicado mensagens contendo informações comprometedoras sobre seu lugar de trabalho, críticas à empresa ou revelando o não cumprimento de suas tarefas. Antes de publicar qualquer coisa ligada ao seu emprego, pense se a ideia agradará seus chefes e colegas.

6. Fotos bêbado

Talvez você queira compartilhar com seus amigos as emoções vividas naquela festa incrível onde você foi durante o fim de semana. Mas lembre-se que, se sua configuração de privacidade estiver desativada, as divertidas fotos da bebedeira poderão ser vistas não apenas por seus amigos, mas também por amigos dos amigos, parentes, colegas do trabalho, chefes e outros conhecidos. E isso pode prejudicar sua reputação.

5. A maioria dos contatos em sua lista de amizades

Como já ficou demonstrado por vários experimentos, as "amizades" nas redes sociais não passam de um número que aparece em seu perfil, sem ter nenhuma relação com as amizades reais. Por isso, psicólogos aconselham encerrar o vínculo com usuários que você não conhece de verdade, mantendo apenas aqueles com quem é possível ter uma relação verdadeira e sadia.

4. Informação relacionada ao seu filho e a crianças, de modo geral

Aqui, o primeiro ponto é o consentimento da criança. Antes de publicar uma imagem engraçada do seu filho nas redes sociais, pergunte-se: seu filho vai gostar de ver aquela imagem na Internet daqui a alguns anos? Ou ele se sentirá incômodo com a exposição?

O segundo aspecto é o da segurança. De acordo com dados da entidade britânica Sociedade Nacional para a Prevenção da Crueldade contra Crianças, a informação pessoal sobre menores de idade publicada em redes sociais contribui para aumentar os números de crimes contra crianças. Afinal, permitir que um criminoso saiba em que escola seu filho estuda é a última coisa que você vai querer.

Terceiro: frequentemente, os fotógrafos que viajam muito e publicam imagens de pequenos moradores de determinado local se metem em enrascadas. No caso, é preciso estabelecer uma regra: não publicar, sem exceções, fotos ou informações sobre crianças sem ter a autorização expressa dos pais ou responsáveis.

3. Fotos dos seus amigos

Com frequência, os internautas publicam fotos dos amigos com edições engraçadas feitas no Photoshop. Contudo, será que vale a pena expor suas amizades a situações ridículas, sabendo que muitos dos seus contatos em comum terão acesso àquela publicação bizarra? É uma atitude questionável, que pode acabar comprometendo uma boa amizade.

2. Fotos com os ex

Ainda que você seja uma pessoa romântica, apague as fotos com seu ou sua ex. Isso será útil para evitar futuros problemas com possíveis casais que, eventualmente, analisem os perfis nas redes sociais.

Sem falar que o Facebook, por exemplo, nos relembra de fotos e posts antigos, mas nem sempre estas lembranças nostálgicas causam impacto positivo em nossas emoções.

1. Tudo o que você não se sinta à vontade de compartilhar com um estranho

Resumindo, é importante dizer que é melhor evitar publicar nas redes sociais aquilo que você não compartilharia com um estranho. É óbvio que ninguém precisa ficar paranoico e apagar todos os perfis. Contudo, é preciso ter em mente que, toda informação publicada sob as configurações automáticas podem acabar tornando-se públicas. Por isso, pense bem antes de publicar qualquer coisa.

Imagem de capa canalapple