Incrível
Incrível

10 Fatos sobre os animais nos precisamos parar de acreditar

Alguns animais possuem habilidades incríveis que realmente surpreendem as pessoas. Entretanto, há muitos mitos difundidos na cultura popular sobre as destrezas de nossos pequenos amigos que estão bem fora da realidade. O Incrível.club decidiu descobrir em quais histórias sobre os animais não deveríamos acreditar.

1. O corpo dos cães transpira

Na realidade, o corpo dos cachorros não transpira. O processo de resfriamento do melhor amigo do homem é diferente: sua língua fica para fora, e respiram mais profundamente.

2. O grasnar do pato não faz eco

Como qualquer barulho, o grasnar dos patos tem eco. Só que esse eco é muito silencioso e as pessoas muitas vezes não são capazes de escutar.

3. Os gambás dormem de cabeça para baixo, pendurados em suas caudas

A cauda ajuda o gambá a subir nas árvores e pegar objetos. Mas os animais adultos são muito pesados, e é por isso que não conseguem ficar pendurados por sua cauda durante muito tempo, muito menos para dormir.

4. Os morcegos não enxergam

Os morcegos são considerados cegos e é por isso que se orientam através do som durante o vôo. Mas isso não é verdade. Os morcegos enxergam, porém não de forma muito nítida. Na realidade, diversas espécies possuem uma visão quase 10 vezes mais precisa que a dos seres humanos. Porém, a maioria enxerga em preto e branco.

5. Uma pessoa pode engolir uma aranha durante o sono

A boca humana, por onde sai a expiração e muitas vezes até alguns roncos, assusta muito as aranhas. Seria como uma caverna sombria para elas. Portanto, os aracnídeos não entrariam em nossas bocas por nada no mundo.

6. Os carneiros são animais tolos

Foi comprovado que os carneiros são bastante inteligentes. É possível ensiná-los, eles são capazes de reconhecer os rostos das pessoas, eles reagem aos seus nomes, lembram-se cores e de composições.

7. O peixe dourado tem uma memória curta

O mito que a memória do peixe dourado dura até 3 segundos é muito popular. Mas os estudantes do sul da Austrália fizeram um experimento que desmente essa suposição. Acontece que a memória dos peixinhos dourados pode durar meses, o que os ajuda a encontrar comida e evitar o perigo.

8. As aves abandonam seus filhotes se sentirem o cheiro de humanos

As pessoas acreditam que os filhotes que caíram do ninho não devem ser ajudados, pois o cheiro humano pode afugentar os pais do bebê. Mas os pássaros não têm um olfato tão desenvolvido a ponto de sentir a mudança de odor de seus filhotinhos. Além disso, eles deixam o ninho apenas no caso de um perigo real, e não em face de uma suposta ameaça.

9. Um gato saudável deve ter um nariz frio e úmido

Se o gato estiver com o focinho seco e quente, não é o caso urgente de levá-lo ao veterinário. As causas desse estado podem ser o calor, o sono prolongado ou lamber o focinho de forma constante. Vale a pena se preocupar se o narizinho de seu animal de estimação estiver descascando e ele apresentar falta de apetite ou insônia.

10. As panteras são uma espécie diferente de felinos

Na verdade, os cientistas usam o nome "pantera negra" para designar leopardos de uma cor preta especial. E não há espécies diferentes de pantera.

Imagem de capa Depositphotos
Incrível/Dicas/10 Fatos sobre os animais nos precisamos parar de acreditar
Compartilhar este artigo
Você pode gostar destes artigos