Incrível
Incrível

10+ Hábitos que parecem estar ajudando a saúde dos cabelos, mas fazem o contrário

Os cuidados com os cabelos são considerados essenciais por muita gente. Em 2020, por exemplo, o Brasil ficou em quarto lugar no ranking de maiores mercados do mundo de produtos de beleza e cuidados pessoais. Mas o que muita gente pode não saber é que alguns hábitos comuns, como a maneira que você penteia as madeixas após o banho, podem prejudicar bastante a saúde delas, deixando-as mais suscetíveis a quebra e outros tipos de danos.

Pensando em te ajudar a garantir que os seus cabelos estejam sempre bonitos e saudáveis, o Incrível.club separou algumas coisas que sugerimos deixar de fazer, caso você também as tenha como um hábito. Confira abaixo!

1. Usar apenas shampoo para lavar os cabelos

Um erro muito comum ao cuidar dos cabelos que pode prejudicar a saúde dos fios, principalmente se já estiverem fragilizados, é lavá-los apenas com shampoo. O que acontece é que nele, geralmente, são usados componentes conhecidos como sulfatos, que literalmente abrem as escamas para retirar as impurezas e podem causar ressecamento. Para evitar, você pode usar a técnica de co-wash, que é simplesmente lavar os cabelos com condicionador.

Nela, você escolhe alguns dias para fazer a limpeza do couro cabeludo com algum condicionador que aja de maneira mais suave, mas sem deixar aquela aparência “densa” nos fios. Outra dica é aplicar o condicionar nos fios secos antes de entrar no banho e deixá-lo agir por alguns minutos. Depois é só fazer a lavagem normal. Dessa maneira, os cabelos conseguem absorver melhor os componentes do produto e ainda fica mais protegido contra os danos.

2. Passar o shampoo apenas no comprimento

O shampoo serve para retirar as impurezas, como suor, sebo natural da pele e poluição, que acabam grudando nos cabelos ao longo do dia. No entanto, ele não deveria ser passado no comprimento, justamente por causa do seu efeito de abrir as cutículas. Inclusive, isso prejudica bastante a saúde dos fios e os deixa fragilizados com o tempo.

O indicado é aplicar o produto concentrado apenas na raiz, massageando suavemente. As pontas, que costumam ser mais ressecadas, serão limpas com a espuma que se forma e desce de maneira natural.

3. Deixar o condicionador agindo por muito tempo

Você é daquelas pessoas que deixam o condicionador por mais tempo do que o recomendado nas instruções, na esperança de que a ação será mais potente? Pois saiba que o efeito pode ser o contrário e inclusive prejudicar a estrutura capilar, pois há chances de impedir o fechamento correto das cutículas. É importante também colocar uma quantidade adequada e se certificar de enxaguar bem, pois o excesso de produto na raiz pode causar oleosidade e até caspa.

4. Dormir com os cabelos molhados

Na correria do dia a dia, pode ser um hábito comum dormir com os cabelos úmidos, para que eles estejam secos pela manhã. Porém, isso faz muito mal para as madeixas. Em primeiro lugar, porque o atrito delas com a fronha é maior quando molhadas. Segundo, ao colocar a cabeça no travesseiro se cria um ambiente quentinho e abafado, que é o local perfeito para que bactérias e fungos se proliferem, o que pode resultar no surgimento de caspa. Por isso, o ideal é sempre secar bem antes de ir para a cama à noite.

5. Usar uma fronha de tecido errado

Pois é, usar a fronha errada também pode ser terrível para a saúde capilar. Isso porque os tecidos comuns, como algodão, causam muito atrito com os fios. O resultado é o frizz e aquela sensação de que a hidratação que você fez no dia anterior não serviu de nada. Por esse motivo, o ideal é escolher uma fronha de cetim, que é um material liso e, portanto, reduz esse problema do atrito com os movimentos normais que acontecem durante o sono. Outra possibilidade é usar uma touca de dormir com o mesmo material.

6. Esquecer de usar algum acidificante

Esse é outro erro muito comum, principalmente para quem já fez algum procedimento químico nos cabelos. Para entender melhor, o objetivo do acidificante é tornar o pH dos fios mais ácido, como a nossa pele, e com isso fechar as cutículas. Isso serve para dar mais brilho, evitar o ressecamento e o frizz e também reter os tratamentos aplicados nas madeixas.

O melhor de tudo é que dá para fazer um acidificante caseiro e gastando bem pouco. Basta misturar um pouco de vinagre de maçã e três vezes a quantidade de condicionador e aplicar nos cabelos antes da máscara de hidratação.

7. Exagerar no uso das fontes de calor

O secador e a chapinha estão presentes na vida de muita gente, mas é preciso tomar bastante cuidado ao usá-los. O calor danifica a estrutura dos fios e, em cabelos cacheados ou crespos, pode até causar a perda da definição natural. Caso precise usar com frequência, não se esqueça de aplicar um bom protetor térmico e nunca com eles totalmente molhados. É bom deixá-los secar um pouco ao natural primeiro para evitar danos.

8. Usar o tipo de produto não especificado para o seu tipo de cabelo

Existem inúmeros produtos de limpeza e tratamento capilar disponíveis atualmente e é importante escolher o mais adequado para cada tipo de cabelo e não simplesmente decidir pelo mais cheiroso. Portanto, sempre leve em consideração a espessura e a porosidade do seu cabelo, se os fios estão com algum procedimento químico e até o tipo de curvatura, pois cada um possui necessidades diferentes.

9. Desembaraçar os cabelos molhados com escova

Até a maneira como você desembaraça os fios após o banho pode prejudicá-los. Por exemplo, o ideal é que isso seja feito com eles úmidos, mas não encharcados de água, em especial para quem tem madeixas cacheadas ou crespas. Outro ponto é sempre optar por pentes de cerdas largas e bem firmes, os de madeira são ótimos — uma vez que as escovas podem quebrar os cabelos —, e sempre começar de baixo para cima, suavemente.

10. Esfregar a toalha nos fios

A hora de secar os cabelos após a lavagem também requer cuidados especiais para que eles sempre fiquem saudáveis e com vida. Evite esfregar a toalha nos fios, pois isso cria muito atrito, o que resulta em danos que podem ser prevenidos com uma pequena mudança de hábitos. Prefira sempre ir apertando, até retirar todo o excesso de água. Usar toalhas de algodão ou até uma camisa é indicado.

11. Lavar os cabelos com água quente

A gente sabe que é uma delícia tomar um banho com água quente, mas é bom evitar fazer isso ao lavar os cabelos. Quando a água está em uma temperatura muito alta, pode causar uma série de problemas para o couro cabeludo e comprimento dos fios, como descamação, ressecamento e até o aumento da oleosidade, pois causa uma estimulação das glândulas que produzem o óleo natural da pele.

E você, já cometeu algum desses erros na hora de cuidar dos cabelos ou tem alguma outra dica de como deixá-los saudáveis? Compartilhe conosco nos comentários!

Imagem de capa ParStud/ Depositphotos
Incrível/Dicas/10+ Hábitos que parecem estar ajudando a saúde dos cabelos, mas fazem o contrário
Compartilhar este artigo