Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Por que as crianças francesas não fazem birras?

-1-4
71k

Se você já viajou algum dia para a França, provavelmente percebeu que as crianças são bem educadas, inteligentes e alegres. Elas raramente fazem birras, comem silenciosamente e sempre cumprimentam seus vizinhos.

O Incrível.club descobriu qual é o segredo das mamães francesas.

Primeiro ano de vida

Ser uma mãe de primeira viagem na França significa voltar a trabalhar 10 semanas após o nascimento do filho. De acordo com a lei, a mãe pode cuidar do bebê por mais tempo, mantendo sua vaga no trabalho, mas recebendo um pequeno subsídio em vez de seu salário. Quando chega a hora de voltar, o bebê é deixado em uma creche ou com uma babá. Desde uma idade muito precoce, a criança é cercada por outras pessoas, adapta-se mais rapidamente e se torna menos dependente de seus pais.

Desde cedo, as mães acostumam seus filhos a dormir em suas camas e, se possível, em quartos separados. Se durante o dia a criança acordar e começar a chorar, a mãe espera alguns segundos antes de verificar o que aconteceu. Dessa forma, aos poucos, o bebê começa a se acostumar a dormir sozinho.

A técnica da bondade

Os pais franceses tentam dar à criança toda a liberdade que consiga assimilar. Poucas serão as vezes em que você verá pais escalando um brinquedo num parquinho. Eles não se envolvem em conflitos infantis, deixando seus filhos aprenderem a se defender.

O momento importante para todos os pais é aprender a separar as pequenas travessuras de erros sérios. Somente os últimos são punidos seriamente, porque uma punição da mesma intensidade para os dois tipos de falhas não ensinaria a criança a diferença entre essas atitudes.

Não ficam com os avós

O papel dos avôs e das avós na educação das crianças francesas não é muito perceptível. Em geral costumam se encontrar durante fins de semana ou nos feriados. É mais comum ver os idosos tomando um café ou uma taça de vinho em algum restaurante, do que passeando com seus netos.

A cultura da refeição na mesa

A alimentação é parte importante na vida de qualquer francês. As pausas para comer duram 2 horas, das 12 às 14 horas. Os franceses consideram importante se reunir para comer, mesmo que seja uma vez por dia. Tanto as crianças quanto os adultos comem os mesmos pratos, a comida infantil na França quase não existe. Os pais não forçam as crianças a comer algo novo, se não gostaram, mas sempre insistem que deveriam prová-lo.

Inculcam as boas maneiras

Os pais desde cedo ensinam boas maneiras aos seus filhos. Um garoto francês geralmente cumprimenta os convidados e os vizinhos, comporta-se silenciosamente numa fila e cede seu assento no transporte público para os idosos. As palavras "obrigado", "bom dia", "por favor" e "adeus" são essenciais para as crianças.

A educação começa em casa

É muito comum que uma criança francesa de 5 anos ainda não saiba ler. Os pais não se preocupam com isso. A infância é um momento incrível, quando você pode aprender a sonhar, a conhecer o mundo exterior, a ser educado e responsável. Aos 6 anos a criança aprenderá a ler e a escrever e a memorizar os números.

Domingo é dia de família

Os domingos são dias para sair com a família e ir para o parque, passar um dia no campo ou andar de bicicleta. Os franceses respeitam esse dia e tentam fazer todas as compras e faxina no sábado.

A cultura da mesada começa cedo

Nos supermercados, as crianças geralmente não costumam fazer birra quando seus pais se recusam a comprar doces. Isso ocorre porque todos os doces extras ou brinquedos podem ser comprados com o dinheiro que recebem para as suas despesas. As crianças começam a receber a mesada aos 7 anos de idade. Geralmente, seu valor mensal equivale à idade da criança.

Imagem de capa Kannaa, t.tomsickova
-1-4
71k