Incrível
Incrível

12 Filmes sobre a relação entre mães e filhas para passar um bom tempo em família

A relação que une mães e filhas pode ser uma das mais fortes, compreensivas, íntimas e significativas da vida. É um vínculo tão sólido que, mesmo diante das dificuldades e intempéries da vida, continua firme e constante. Estamos falando de uma ligação única!

O Incrível.club lista a seguir alguns filmes que retratam como poucos a relação entre mãe e filha. Cada uma das produções pode ser vista como fonte de dicas para enfrentar determinadas etapas da vida, permitindo que mães e filhas possam passar bons e divertidos momentos ao lado umas das outras.

1. Lado a Lado

Em Lado a Lado, Isabel é uma fotógrafa que vive uma relação com o pai de duas crianças. A mãe biológica dos pequenos não se dá bem com a nova companheira do ex-marido (por pensar que ela foi a causa do fim de seu casamento). Os meninos, por sua vez, também não gostam muito de Isabel.

Tudo muda de figura quando a mãe dos pequenos descobre estar com câncer. Sabendo que suas chances de sobreviver são escassas, a mulher tenta melhorar a própria relação e a de seus filhos com Isabel, para que esta se encarregue da criação dos meninos após a sua morte.

2. Laços de Ternura

O filme mostra a relação íntima e próxima que existe entre uma mãe, Aurora, e sua filha, Emma. Cansada do controle radical que a mãe deseja exercer em sua vida, Emma se casa e torna-se mãe de três filhos, apesar de viver um matrimônio em ruínas. Apesar de tudo, o contato entre mãe e filha não enfraquece, muito pelo contrário: a confiança entre elas aumenta, a ponto de Emma, quando adoece e morre, deixar os próprios filhos aos cuidados da mãe.

É uma belíssima história sobre a relação mãe e filha, mostrando que, apesar de disputas, discordâncias de opiniões ou desentendimentos que possam surgir entre ambas, o amor sempre será mais forte.

3. Mamma Mia!

Sophie, uma jovem que está prestes a casar, resolve investigar para descobrir quem é seu verdadeiro pai. Apesar do ótimo relacionamento que existe entre ela e sua mãe, Donna, a moça nunca soube a verdade sobre aquele a quem devia a vida. Assim, quando Sophie encontra no diário da mãe os nomes de três homens com quem ela havia se relacionado, decide convidá-los à cerimônia com o intuito de desvendar o mistério.

O longa fica no meio do caminho entre a comédia romântica e o musical. Além disso, garante ao espectador grandes atuações de Meryl Streep, Amanda Seyfried e Pierce Brosnan, dentre outros astros.

4. Adoráveis Mulheres

A nova adaptação cinematográfica de Adoráveis Mulheres relata como quatro irmãs chamadas Amy, Jo, Beth e Meg embarcam em uma viagem ao lado da mãe após o fim da Guerra Civil. A travessia exige união e compreensão mútua entre a família, mas representa também uma jornada de autodescoberta e liberdade para as quatro irmãs, à medida em que elas encontram o amor e seu próprio destino.

5. Garota em Progresso

A mãe solteira de uma menina de 13 anos chamada Ansiedad está sempre na correria para garantir trabalho, casa e dinheiro. Consequentemente, ela mal tem tempo para a filha. Tentando chamar a atenção da mãe e desesperada por não conseguir, Ansiedad torna-se uma jovem rebelde, virando tudo de cabeça para baixo.

Garota em Progresso mostra como a comunicação entre mães e filhas pode ser indispensável e a importância de aproveitar ao máximo cada etapa da vida.

6. Boyhood — Da Infância à Juventude

produção conta a história de Mason ao longo de 12 anos (da sua infância à entrada na universidade), mostrando de perto as dificuldades e os percalços que qualquer família pode enfrentar. Além disso, gira em torno das consequências que mudanças muito frequentes e a instabilidade podem provocar nos integrantes de um núcleo familiar.

7. O Clube da Felicidade e da Sorte

É um filme baseado no best-seller de Amy Tan, contado a história de quatro famílias chinesas que resolvem emigrar para os Estados Unidos em busca da vida tranquila e pacífica interrompida pelas guerras em seu país de origem. Aos poucos, o espectador tem a chance de acompanhar os choques geracionais e culturais surgidos entre as mães das famílias e suas filhas, criadas nas ruas da cidade norte-americana de São Francisco.

8. Prova de Fogo — Uma História de Vida

Uma garota inteligente, com grande talento para as palavras, resolve participar de um concurso após ser incentivada por um professor. Apesar de a mãe (que ainda está deprimida com a morte do marido) se opor à ideia de ver a filha participando de competições, Akeelah persiste e treina duro para conquistar seus objetivos.

No fim das contas, a mãe percebe a importância de apoiar, estimular e acompanhar a filha na busca pelos seus sonhos.

9. Mulheres de Verdade Têm Curvas

Mulheres de Verdade Têm Curvas apresenta a história de Ana, jovem mexicana que mora nos Estados Unidos com o restante da família. Por ser muito inteligente, hábil e esforçada, a jovem obtém uma bolsa de estudos em uma universidade prestigiada. No entanto, a mãe da jovem, presa a tradições e costumes, reluta em permitir que a filha se mude. Enquanto Ana reflete sobre suas ambições pessoais e profissionais, sua mãe só quer saber de pretendentes, casamentos e filhos, deixando claro o embate entre gerações presente na relação de mãe e filha.

10. Mãe e Muito Mais

Em Mãe e Muito Mais, três amigas de longa data aparecem se sentido abandonadas em pleno Dia das Mães. Elas resolvem, então, aparecer em Nova York, sem avisar, para visitar os filhos. Mas a jornada reservada para as três mulheres não envolve apenas os reencontros com seus respectivos filhos, mas também autodescoberta e reflexões a respeito da relação delas com os filhos e consigo mesmas.

11. Sexta-Feira Muito Louca

Mãe e filha com pontos de vista e modos de ver a vida completamente diferentes entre si trocam de corpos por conta de uns biscoitos da sorte. As experiência e situações que elas vivem no corpo uma da outra acaba provocando uma compreensão e um entendimento mútuos. Ainda que se trate de uma comédia leve e divertida, Sexta-feira Muito Louca deixa ao público uma mensagem inegavelmente importante.

12. Viaje al cuarto de una madre

Leonor é uma jovem que vive sonhando em sair de casa para poder viver sua própria aventura em carreira solo. Contudo, ela tem medo de revelar seus planos à mãe. Por sua vez, Estrella, a mãe, não quer sequer pensar na ideia de ver a filhinha saindo de casa, mas também não pretende mantê-la à força nem cortar suas asas. Viaje al cuarto de una madre aborda os medos que surgem diante de uma nova etapa da vida, tratando também sobre a busca pela compreensão e confiança entre mãe e filha, sem que ambas percam o bom relacionamento que as une.

Que filmes você indica para que mães e filhas assistam juntas? Conhece algum longa que mostre a força da relação entre parentes? Deixe seu comentário!

Incrível/Crianças/12 Filmes sobre a relação entre mães e filhas para passar um bom tempo em família
Compartilhar este artigo
Você pode gostar destes artigos