Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração
Saiba se você está indo longe demais no cuidado com o peso

Saiba se você está indo longe demais no cuidado com o peso

Cuidar do peso é um hábito saudável, isso não se pode negar. Quando colocado em prática de forma correta, o organismo se mantém saudável e com boa silhueta. Só que nem sempre é fácil saber se estamos passando do ponto com esses cuidados e se a preocupação com os números da balança está virando uma obsessão capaz de tirar o sossego mental.

Descubra com a ajuda do Incrível.club se você passou da dos limites saudáveis e se está adquirindo hábitos perigosos para o seu próprio bem-estar.

Vivemos num mundo que nos pressiona constantemente para que nos enquadremos em padrões e ideias muitas vezes impossíveis de serem atingidos. Todos os dias, a publicidade nos bombardeia com modelos de beleza, magreza, felicidade e bens materiais que podem se revelar um fardo difícil de ser carregado. Grande parte destes ideais alimenta a indústria dos cuidados pessoais e nos leva ao desejo de estar sempre modificando nosso corpo. Em muitas ocasiões, por motivos genéticos ou ligados ao contexto em que vivemos, não conseguimos nos encaixar nesses padrões. E é quando nos sentimos desprovidos de beleza e nada atraentes.

Para combater esta frustração, às vezes começamos uma corrida absurda contra nós mesmos, prejudicando nosso corpo e obrigando-o a ser aquilo que não é. Controlar nosso peso é um dos hábitos mais comuns nos dias atuais, mas quando praticado em excesso, pode nos prejudicar muito. A obsessão por fazer parte de um modelo de beleza, com corpos extremamente magros, pode inclusive levar ao surgimento de distúrbios alimentares, como anorexia e bulimia.

Caso você pense muito no seu peso ou na aparência do seu corpo, preste atenção aos sinais de alerta que listamos a seguir. Preste atenção a si mesmo para combater a obsessão pela beleza:

  • Você sente que ainda falta muito para atingir seu peso ideal, mesmo que tenha perdido muitos quilos nos últimos meses.
  • Os médicos disseram que seu peso é adequado para sua altura e estrutura corporal, mas você continua certo de que poderia perfeitamente perder alguns quilos.
  • Você nunca se sentiu à vontade com seu corpo nem com os números que aparecem na balança.
  • Caso você pense que, ao perder um pouco de peso, se sentiria melhor consigo mesma e que seria mais aceita e querida pelos outros.
  • No último ano, você experimentou ao menos duas dietas diferentes na tentativa de perder peso.
  • Ao menos uma vez na vida, você já tentou fazer uma dieta radical que prometia eliminar quilos em poucos dias.
  • Você pensa várias vezes por dia em seu peso.
  • Sempre que passa diante de um espelho, você observa as áreas do seu corpo onde acha que há gorduras sobressalentes.
  • Já cancelou um jantar com amigos só por não querer comer.
  • Às vezes, você leva sua própria comida para reuniões com parentes e amigos só para evitar comer coisas que possam engordar.
  • Se aparecesse um gênio da lâmpada na sua frente, você pediria para emagrecer, sem nem pensar nas consequências.

    Caso você tenha se identificado com quatro ou mais das afirmações acima, cuidado! Perder peso pode estar virando uma obsessão. Se as situações descritas nas frases anteriores descrevem seu comportamento, sua mente está jogando contra sua saúde. A falta de aceitação é um fator muito perigoso, e pode disparar o surgimento de problemas físicos e mentais difíceis de serem revertidos.

    Quando você se alimenta de forma saudável, ganha uma aparência radiante, os cabelos ficam cheios de nutrientes, a pele absorve vitaminas e colágeno, os olhos ficam mais brilhantes, dentes e ossos se fortalecem... todo o corpo exala satisfação e bem-estar. Não deixe que ninguém diga que você não é bonita com suas peculiaridades! Uma pessoa que se aceita e que é segura de si mesma torna-se irresistível, capaz de atingir todas as metas.

Foto de capa: Pixbay