Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

6 Erros de higiene que não podemos cometer de jeito nenhum

Para que possamos nos manter saudáveis, não basta apenas seguir as regras de higiene. É importante executá-las do jeito correto. Do contrário, a eficácia dos procedimentos pode acabar ficando comprometida. E não são poucas as pessoas que ficam surpresas ao perceber que passaram a vida inteira aplicando medidas higiênicas, até mesmo as mais corriqueiras delas, de maneira errada.

O Incrível.club analisou cuidadosamente de que forma um indivíduo médio costuma aplicar as regras cotidianas de higiene e encontrou os erros cometidos com mais frequência. Nossa sugestão é que você confira a lista com bastante atenção e passe a se policiar mais no sentido de fazer tudo como manda o figurino.

1. Exagerar no número de banhos diários

Pode até soar estranho, mas parece que tomar banho demais é tão prejudicial quanto não tomar banho nenhum. De acordo com um time de especialistas em doenças contagiosas da Universidade Columbia, nos EUA, tomar banho demais deixa a pela seca e com tendência a rachar, facilitando a vida de micro-organismos que querem penetrar em nosso organismo, já que eles podem atingir seu objetivo por meio de tais rachaduras. Os estudiosos recomendam que as pessoas não tomem mais do que um banho por dia. Caso deseje saber mais sobre o assunto, é possível encontrar aqui informações mais detalhadas sobre a frequência ideal para seu banho.

2. Não lavar as mãos antes de ir ao banheiro

Não é apenas o banheiro que abriga inúmeras bactérias, e sim toda a casa. Isso quer dizer que, caso você passe muito tempo sem lavar as mãos, é muito provável que elas também estejam tomadas por micro-organismos prejudiciais. E na hora de ir ao banheiro, você certamente acabará tocando em partes do corpo para as quais tais bactérias são especialmente perigosas. Por isso, lavar as mãos antes de fazer as necessidades fisiológicas é até mesmo mais importante do que fazê-lo depois.

3. Dar descarga usando a ponta dos dedos

O vaso sanitário é, muito possivelmente, o local mais sujo de toda a residência. Estudos já demonstraram que, mesmo 90 minutos depois de acionar a descarga, dezenas de partículas com bactérias continuam na superfície da privada. Portanto, o ideal é não usar as pontas dos dedos para dar descarga, e sim fazer isso usando as juntas ou a parte de trás do dedo. Essa é uma dica especialmente útil para aquelas horas em que acabamos esquecendo e encostando em algo antes de lavar as mãos. Adotando essa estratégia, é possível evitar a disseminação de bactérias.

4. Dormir por muito tempo usando o mesmo travesseiro

Travesseiros de penas e plumas são como o paraíso para ácaros e mofo. E com o passar do tempo, os micro-organismos podem passar para o rosto da pessoa, provocando problemas como demodicose (sarna). Travesseiros mal higienizados, aliás, estão entre as causas mais comuns de problemas de pele. Um estudo já apontou que os ácaros acumulados podem desencadear alergias que, por sua vez, causam obstrução nasal, inchaço e irritação nas vias respiratórias superiores. A recomendação é que travesseiros sejam lavados toda semana, com água sob uma temperatura de, pelo menos, 50°C.

5. Deixar que os pets durmam em sua cama

Sim, até mesmo durante o sono, precisamos continuar seguindo certas regras para uma boa higiene. E isso envolve não permitir que cães e gatos durmam na mesma cama que você. Mesmo os pets mais limpinhos carregam grande número de bactérias em seus pelos e por mais surpreendente que pareça, alguns desses micro-organismos podem causar a peste bubônica. Não, não estamos falando da Idade Média, e sim dos dias atuais! De acordo com as estatísticas, entre 1977 e 1998, foram registrados 23 casos da doença provocados por gatos domésticos.

6. Lavar o rosto com sabão

Algumas pessoas pensam, equivocadamente, que lavar o rosto com água e sabão duas vezes por dia garante uma limpeza eficaz. Só que, na realidade, o sabão obstrui os poros, podendo provocar problemas de pele. Dermatologistas ressaltam que sabão comum não é indicado para uso no rosto, pois o produto destrói a barreira protetora e desequilibra o nível do pH da pele.

Existe alguma regra de higiene que você, por mais que saiba da importância, não consegue aplicar no dia a dia? Deixe um comentário com suas impressões sobre o assunto!