Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

10 Sinais de que você está muito estressado

----
30k

Identificar a tempo a presença do estresse é muito importante. Do contrário, é possível que o organismo desencadeie uma série de doenças.

O Incrível.club quer ajudar você a aliviar os primeiros sinais de estresse, criando momentos ideais para uma pausa no dia a dia.

10. Ranger os dentes

Apertar ou ranger os dentes ao dormir ou durante a execução de uma tarefa é um sinal claro de que algo nos incomoda no subconsciente.

  • Dica: Dê atenção aos seus relacionamentos, faça uma lista de seus amigos íntimos e descreva como é sua relação com cada um deles. Assim, você poderá identificar a fonte de incômodo.

9. Dores de cabeça

Se estiver sofrendo com dores de cabeça ou enxaqueca constantes, já foi ao médico e não encontrou causa aparente, pode ser um sintoma de que precisa descansar mais. Talvez o ritmo de vida que você leva e todas as responsabilidades estejam pesando mais do que deveriam.

  • Dica: Tente relaxar a sós, desligue o celular, acenda velas aromatizadas, feche as cortinas e conceda-se ao menos 30 minutos de descanso ou para um cochilo.

8. Gaguejar

Se você não é gago de nascença, preste atenção a esse sinal, já que é uma das maneiras pelas quais o estresse se manifesta, mesmo quando você não se dá conta. Esquecer palavras também é outro sintoma.

  • Dica: Talvez a solução para a situação que causa estresse não esteja inteiramente em suas mãos, mas sempre há algo que se pode fazer. Se esse for seu caso, sente-se com papel e caneta e anote todos os caminhos possíveis para sair desta situação. Para ajudar sua mente com o esquecimento de palavras ou com o gaguejar, experimente ler um livro em voz alta da forma mais fluida possível.

7. Ganhar peso

Como você pode ver neste link, o cortisol é o hormônio do estresse. Quanto mais elevado o nível dele no organismo, mais peso você ganhará. Não importa qual seja sua dieta, se seu cortisol estiver alto, você irá engordar.

  • Dica: Exercite-se 3 vezes por semana por apenas 30 minutos, nem mais nem menos. O ideal é fazer caminhadas com belas paisagens ou alguma atividade divertida, como zumba.

6. Falta de apetite sexual

As substâncias químicas produzidas no cérebro pelo estresse estão ligadas aos fatores relacionados com o desejo sexual, fazendo com que ele diminua consideravelmente. Isto pode provocar problemas no relacionamento, sobretudo se a outra pessoa não entender a razão da perda do interesse no sexo. Outro problema que pode aparecer é a redução na contagem de espermatozoides e a falta de ovulação.

  • Dica: Se isso estiver afetando a sua vida a dois, não hesite em tirar férias junto com seu parceiro ou parceira. E não precisa ser férias muito caras. Vocês podem ir a um hotel de uma cidade próxima, com piscina, spa ou outro espaço que permita um relaxamento em dupla. E vale passar apenas um dia, se for o caso.

5. Sentimentos de solidão

Sem que você perceba, o estresse pode desencadear a vontade de ficar recluso, aumentando a sensação de solidão ou de não ser valorizado pelos outros.

  • Dica: Se você estiver nesta situação, procure atividades disponíveis perto de sua casa e inclua-se nelas. Pode ser uma aula, palestra informativa ou uma oficina. Todas essas atividades fazem com que a pessoa, aos poucos, saia do estado de solidão provocado pelo estresse.

4. Compras compulsivas

Quando você se vir comprando algo que chamou sua atenção, mesmo sem saber para que aquilo serve, saberá que, na verdade, comprou uma espécie de válvula de escape para alguma situação que causa incômodo. Claro que é bom fazer agrados a si mesmo de vez em quando, mas em vez de gastar dinheiro em algo que não usará, é melhor investir em si mesmo.

  • Dica: Converse com alguém de sua confiança sobre o que lhe estressa. Colocar para fora faz parte do processo de cura.

3. Dor no peito

Esse é um dos sintomas mais comuns do estresse. Muitas vezes, as pessoas acham que sofrem de problemas cardíacos, quando na verdade a questão é o estresse. A dor no peito pode ser acompanhada de ansiedade ou sensação de falta de ar.

  • Dica: Estabeleça uma rotina de prática de yoga ou matricule-se em cursos. Surpreendente, essas atividades irão ajudar no relaxamento. Na Internet, você encontrará muitos vídeos com exercícios perfeitos para desacelerar.

2. Irritabilidade diante de coisas simples

O típico chefe ou parente que, diante de uma situação de erro mínimo, grita ou fica irritado, entra nesta categoria. É uma clara situação de estresse que vai aumento perigosamente.

  • Dica: Encontre algum hobby e desafie-se a desenvolvê-lo ao máximo. Não importa se é uma atividade para fazer sozinho ou com amigos, o importante é se distrair e dar ao cérebro uma folga das situações estressantes.

1. Resfriados frequentes e tosse

A famosa tosse nervosa, aquela que aparece mesmo quando não estamos doentes, é outro sinal de estresse. Também é possível que você fique resfriado com frequência, já que, diante do estresse, as nossas defesas baixam.

  • Dica: Além de tomar suplementes vitamínicos, tire 20 minutos do seu dia para identificar e pensar nas situações mais estressantes pelas quais você passa. Esse exercício ajudará o cérebro a lidar melhor com a situação, pois fará com que você tome consciência de sua existência.

No fim das contas, é tudo uma questão de não abandonar a si mesmo, tirar um tempo para se agradar e relaxar, se arrumar e cuidar da higiene diariamente, ouvir música para deixar a situação estressante mais leve, interagir com os entes queridos e fazer exercícios capazes de combater esse mal que é tão comum em nossos dias.

Ilustradora Ekaterina Gapanovich exclusivo para Incrível.club
Produzido com base em material de stress.org, wikihow, auntyacid
----
30k