Incrível
Incrível

10 Razões não tão evidentes para consultar um médico

Estamos acostumados a deixar passar certos problemas de saúde mais comuns e poucos iriam ao médico para mostrar uma espinha estranha ou se queixar de uma fadiga que se repete além da conta, por exemplo.

O interessante é que as mulheres, conforme as estatísticas, estão mais atentas à sua saúde que os homens. Seguidamente procuram ajuda quando os sintomas ainda não são severos, a doença está em uma etapa mais precoce e, portanto, é mais fácil de enfrentá-la. A maioria dos homens, porém, se apoia na teoria de que "isso vai passar sozinho".

Nós do Incrível.club não queremos, com esta matéria, deixá-lo mais ansioso do que o normal com relação à sua saúde, mas os médicos sugerem que seja bastante efetivo prestar atenção a alguns detalhes aos quais pouca gente costuma dar atenção.

1. Após um resfriado, cansaço rápido e dificuldade de respirar

Considera-se que os principais sintomas de uma pneumonia sejam tosse e febre persistentes. Porém, a pneumonia oculta não é um inimigo tão estranho para a saúde. Se você teve recentemente uma infecção respiratória viral aguda, ainda sente dificuldade para respirar, mesmo realizando atividades com pouco esforço, e durante o dia fica cansado com muita frequência, isso pode indicar uma pneumonia latente. Ela pode vir acompanhada de outros sintomas: um assobio durante a respiração, irritabilidade e palidez. Consultar um médico não seria uma má ideia nestes casos.

2. Em qualquer parte do corpo, debaixo da pele, encontrar algum caroço

As instruções de autodiagnóstico para qualquer tipo de câncer geralmente passam por apalpar e buscar protuberâncias em lugares específicos: por exemplo, no peito e na virilha.

Esses nódulos, de diferentes etiologias, podem aparecer por todo o corpo. Podem ser lipomas ou ateromas relativamente inofensivos, mas também podem ser sintomas de doenças mais graves. O primeiro médico que o ajudará a sanar qualquer dúvida a respeito é um dermatologista.

3. Queda abundante de cabelo

Sem exagero, o sistema endócrino influencia em todos os processos que ocorrem em nosso corpo. Por isso, controlar a saúde da tireoide é imprescindível. Um dos sintomas menos evidentes de que algo não está bem com os níveis de hormônios é o começo repentino da queda de cabelo ou uma mudança na sua estrutura.

As células do cabelo são as mais "rápidas" do corpo, e as mudanças hormonais podem conduzir a uma diminuição significativa e enfraquecimento dos fios. Se a isso forem somados irritabilidade pouco comum e fadiga, um desequilíbrio do peso corporal tanto para cima como para baixo, ou menstruação irregular, então você tem uma razão para ir ver um endócrino antes do tricologista - especialista em cabelos.

4. Falta de ar que se manifesta de repente

As pessoas que sofrem de doenças crônicas relacionadas ao sistema respiratório conhecem as razões de suas dificuldades para respirar.

Mas o que acontece se as dificuldades respiratórias aparecem assim, do nada? Os médicos geralmente encontram duas causas para estes sintomas: o refluxo gastroesofágico ou problemas cardíacos. Na realidade, o refluxo, ou a penetração no esôfago de ácidos gástricos, nem sempre se manifesta por uma azia ou um mal-estar estomacal, mas a dispneia, especialmente depois de comer, é um acompanhante desse problema. A dificuldade respiratória também "caminha ao lado" da insuficiência cardíaca, razão por que, se o ataque se repetiu, vale a pena visitar seu médico de confiança.

5. A menstruação é dolorida

Os ginecologistas afirmam que uma menstruação um pouco dolorida pode ser normal em meninas jovens, quando o ciclo recém está se estabelecendo. Se o ventre dói muito já na idade adulta, é uma boa razão para visitar o ginecologista. A endometriose é a causa de muitos problemas do sistema reprodutor feminino.

Na endometriose o revestimento da cavidade uterina fica aumentado, e pode ficar onde supõe-se que não deveria, por exemplo no peritônio, nos ovários e intestino. Com a menstruação, esses fragmentos "sobressalentes" se comportam como se estivessem dentro do útero. Ou seja, aumentam de tamanho e logo alguns deles se desprendem durante a menstruação. Esses miniprocessos em lugares indevidos é que causam a dor.

6. A criança não dorme bem e está muito irritadiça

Geralmente as crianças não conseguem expressar exatamente o que as incomoda, motivo por que algum problema de saúde pode ser diagnosticado por sinais indiretos, por exemplo sua irritabilidade. Um mau humor que começa já de manhã pode ser o primeiro sintoma de vermes, que podem atingir crianças pequenas.

O que é curioso é que a coceira pode aparecer mais tarde, a criança simplesmente se sente incomodada e não consegue explicar.

7. A garganta inflama mais de duas vezes por ano

Se você sofre com frequência de amigdalite ou angina, até mesmo sem grandes complicações, suas articulações estão sob uma carga desnecessária de trabalho, já que as amidalites e anginas são doenças estreptocócicas e os estreptococos (bactérias) também são agentes causadores da febre reumática.

As doenças das articulações tendem a piorar drasticamente a qualidade de vida, e elas não são, definitivamente, um problema inofensivo.

Costumeiramente pena-se que os problemas de articulação são o destino dos mais velhos. Não é bem assim, tais problemas podem acometer qualquer pessoa, inclusive crianças. É por isso que os médicos sempre lembram: se você é muito propenso a ter dores de garganta, seguidamente tem hipotermia ou apresenta incômodos, ainda que leves, nas articulações já pela manhã, visite um reumatologista, para não dar lugar a um possível processo inflamatório.

8. Mudou notadamente a cor da pele (por completo ou em alguma área específica)

A pele é o maior órgão do corpo humano, e muitas vezes os problemas que parecem simplesmente estéticos, se revelam transtornos mais graves no corpo. Recomenda-se procurar um médico se o tom da pele quer aparece não é o seu tom habitual. Um dos primeiros sintomas de problemas de fígado é o tom amarelado da pele e uma pigmentação de cor marrom nas axilas.

A coloração amarelada pode demonstrar danos no tecido ou nos dutos do fígado, e a mudança da cor das axilas pode revelar uma hemocromatose (transtorno na metabolização do ferro e sua deposição nos tecidos).

9. Uma pequena ferida que demora muito para curar

Os médicos sempre lembram que as sardas, pintas e outras formações na pele devem ser observadas de maneira regular e é imprescindível que se consulte um especialista se ocorrer uma atividade ou mudança incomum nelas.

Muito poucas pessoas sabem que a manifestação de um dos tipos de câncer de pele, o carcinoma de células basais pode ser uma ferida que não cicatriza durante muito tempo. Esse tipo de câncer é mais comum nos homens do que nas mulheres, e pode ser tratado com sucesso nas suas primeiras etapas.

Se considera "muito tempo" uma ferida que demora mais do que seis semanas para sarar, mas os médicos aconselham consultá-los antes. Especialmente perigosas são as feridas em lugares onde não são percebidas de imediato (orelhas, couro cabeludo) e que nem sempre se manifestam com reações dolorosas.

10. Pupilas dilatadas com qualquer iluminação

As pupilas dilatadas (midríase), juntamente com outros sintomas, podem revelar várias doenças, de infecciosas a neurológicas e oftálmicas.

Se, além das pupilas dilatadas, forem observados outros sintomas em estado agudo, náuseas, vômitos, sonolência, alteração ou transtorno do movimento, ou sensibilidade reduzida das extremidades, deve-se chamar a emergência (Samu 192 ).

Se as pupilas são o único sintoma, é recomendável ir a um neurologista ou oftalmologista em no máximo três dias. As doenças oculares, que têm como sintomas as pupilas dilatadas, podem levar a uma piora na visão e até sua perda total.

Imagem de capa pixabay.com
Compartilhar este artigo