Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

10 Maneiras simples de diferenciar se um fruto tem aditivos químicos ou não

1---
37k

Há muito tempo sabemos que os pesticidas e nitratos são perigosos para o corpo humano. Geralmente nós perdemos muito tempo no supermercado tentando decidir que fruta e verdura comprar e quais deveríamos evitar. Mas será que nós realmente sabemos escolher corretamente as cenouras, batatas e maçãs?

Especialmente para os nossos leitores, o Incrivel.club preparou alguns conselhos que te ajudarão a identificar as frutas e verduras seguras e saudáveis. No final do artigo nós preparamos para você uma breve lista com recomendações gerais bem interessantes.

10. Cenouras

As cenouras grandes com uma cor laranja forte sempre chamam a atenção dos clientes, mas o seu aspecto, na realidade é bastante artificial. Escolha as cenouras menores e não tão coloridas. Lembre-se também que as hortaliças saudáveis não devem ter manchas estranhas.

9. Batatas

A batata absorve muito bem os produtos químicos, e por isso precisamos estar prevenidos na hora de compra-las. Selecione os tubérculos de tamanho médio. Mesmo que elas apresentem pontinhos pretos, pois eles podem ser retirados depois. Mas as batatas grandes e lisas, sem dúvida contém substâncias nocivas.

Conselho: cutuque com a sua unha a casca da batata e tente perceber se ela produz um som de crocância. Se isso acontecer, a batata está boa para consumo e não possui pesticidas.

8. Tomates

Com os tomates é tudo um pouco mais fácil: os frutos saudáveis têm a pele fina e a sua carne tem uma cor homogênea. Se ao tocar o tomate você percebe que ele parece mais um plástico e sua carne apresenta listras brancas, quer dizer que ele apresenta nitratos. Também é necessário prestar atenção ao talo: em um tomate normal, ele será pequeno.

7. Pepinos

Comprando pepinos fora da temporada você pode ter a certeza de que eles foram tratados com parafina. Comer estes frutos sem descascar não é nada recomendável. Se você cortar um pepino e em seu interior não existem sementes, jogue-o fora sem a menor dúvida: nestes frutos existem numerosas substâncias perigosas.

Conselho: na hora de compra-los, preste atenção na ponta do pepino. Ela deve ser resistente e, o fruto em si, firme.

6. Repolho

Escolher um repolho sem a presença de pesticidas é bastante simples. Verifique bem o repolho e assegure-se de que ele não tenha nenhuma mancha. Se as folhas do repolho estão limpas, são finas e de cor uniforme, está tudo bem e você pode comprá-lo.

5. Maçãs

Uma das frutas que agrega a maior quantidade de nitritos ainda é a maçã. Opte por aquelas que são de menor tamanho, mais esverdeadas, com pequenas imperfeições e deixe de lado aquelas mais brilhantes, de cor viva, sem nenhuma mancha e que parecem "uma maçã de revista".

Conselho: para comprovar se uma maçã tem produtos químicos, cubra-a com água fervendo. Se na pele da fruta apareceu uma pequena camada oleosa, ela foi tratada com parafina, misturada com outras substâncias.

4. Abóboras

Ao selecionar uma abóbora é preciso prestar atenção em sua superfície. Se a casca está limpa e lisa é um bom sinal, mas se ela apresenta listas fibrosas que não são retas, assim como manchas escuras desconhecidas, isto nos revela um alto nível de pesticidas.

3. Morangos

O morango é vendido durante o ano inteiro, mas mesmo em sua temporada normal, ele não está isento de conter nitratos e outras substâncias nocivas. Para evitar riscos ao comprá-los, lembre-se que os morangos naturais não se destacam por uma aparência ideal e se sua cor for muito forte, o mais provável é que ele tenha sido "pintado". Mas atenção aos pontos escuros: eles são provocados por nitratos. E finalmente, se ele não tiver realmente o cheiro de morango, é melhor ir comprar em outra loja.

Conselho: lave os morangos em água gelada. Se depois de uma hora ele começar a soltar seu sumo, esse é um sintoma de que eles foram submetidos a tratamentos químicos.

2. Melancias

Fora de temporada, as melancias estão repletas de nitratos. A casca da melancia não tratada com substâncias químicas deve apresentar contrastes e seu cabinho tem que estar seco. Ao cortá-la, não se esqueça de que se a polpa for de um vermelho vivo com fibras amarelas isso é sintoma da existência de nitratos. As fibras de uma melancia "boa" são na cor branca.

1. Cerejas

As cerejas também são muito utilizadas e às vezes são submetidas a um processo de pulverização com produtos químicos. Saber qual delas escolher não é tão difícil: as boas cerejas têm uma cor viva e uniforme, as de cor mais apagada com manchas esbranquiçadas na pele nos indicam a presença de pesticidas.

Conselho: cubra as cerejas com água fervendo e tampe o recipiente. Se depois de pouco tempo o cheiro da cereja não mudar, está tudo bem.

Recomendações do que você deve levar em conta:

  • Compre frutas e verduras somente em lugares confiáveis, dando preferência aos produtores locais.
  • Evite frutas bonitas demais, brilhantes e de tamanhos idênticos e que, em contrapartida, não tenham cheiro nenhum.
  • Escolhendo entre diferentes produtores, pese com a mão as frutas do mesmo tamanho e compre aquelas que forem mais pesadas.
  • Lave cuidadosamente a fruta e verdura para, quando for descascá-la, você consiga retirar uma capa grossa de casca. Se for possível, submeta as frutas a um tratamento térmico.
  • Não tenha receio em pedir ao vendedor os documentos onde se explica o local de cultivo de tudo aquilo que ele vende. Isso te ajudará, por exemplo, a evitar a compra de uvas importadas que são anunciadas como nativas da sua região.
Imagem de capa pixabay, pixabay
1---
37k