Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

17 Atores que apareceram cantando em filmes, mas não usaram suas próprias vozes (vamos mostrar quem realmente cantou)

A música desempenha um papel importante no cinema, sendo, em alguns casos, o elemento principal da narrativa e a responsável por atrair o público. Talvez você se lembre de uma pessoa famosa que apareceu cantando muito bem em um papel, mas saiba que nem tudo é o que parece ser. Em diversas circunstâncias, os atores apenas sincronizam seus lábios, seguindo o ritmo de uma voz que pertence a outra pessoa, a verdadeira responsável por alcançar notas agudas e cantar versos afinados, contribuindo assim para a realização de um trabalho de qualidade em diversas produções.

Nós, do Incrível.club, decidimos descobrir quais foram as celebridades que não cantaram nos filmes e, principalmente, as verdadeiras vozes por trás dos personagens principais. Confira!

1. Deborah Kerr em O Rei e Eu (1956)

Deborah Kerr recebeu uma indicação ao Oscar por sua atuação como Anna Leonowens, incluindo sua interpretação musical, embora não fosse sua voz. A verdadeira cantora era Marni Nixon, conhecida por participar de diversas dublagens nas telonas, sem nem ao menos receber crédito publicamente por isso. Nixon comentou que o contrato com a produtora da 20th Century Fox dizia que ninguém deveria saber de sua participação. Caso contrário, ela não voltaria a trabalhar na indústria cinematográfica.

2. Natalie Wood em Amor, Sublime Amor (1961)

A atriz que protagonizou esse filme no papel de Maria também recebeu ajuda de Marni Nixon para as cenas musicais. A cantora soprano revelou em entrevista que a produção fez Natalie Wood acreditar que cantaria, por isso foram feitas gravações das canções com a orquestra. Após o término dessas sessões, Nixon entrou no estúdio para cantar as mesmas músicas com sua própria voz, a qual, no final, acabou sendo imortalizada no longa.

3. Audrey Hepburn em Minha Bela Dama (1964)

Audrey Hepburn foi escolhida para interpretar Eliza Doolittle na adaptação cinematográfica desse musical, mas no momento de cantar, sua voz foi substituída pela de Marni Nixon. “A voz de Hollywood” explicou que Hepburn não queria que outra pessoa cantasse em seu lugar e tentou gravar as canções sozinha, mas decidiu incorporar a experiência da cantora na edição final, cujo resultado é o que conhecemos.

4. Christopher Plummer em A Noviça Rebelde (1965)

Christopher Plummer interpretou o Capitão von Trapp, que apareceu em uma cena cantando Edelweiss. O único detalhe é que, na verdade, ele não cantou. Em uma entrevista, o ator comentou que participou apenas do início e do final das músicas, enquanto o restante foi feito por outra pessoa, pois a produção tinha o cuidado de deixar cada detalhe parecido com o musical original. A verdadeira voz nas canções do capitão era de Bill Lee, integrante do quarteto The Mellomen, que também colaborou em outros filmes, principalmente nos longas da Disney.

5. Lou Diamond Phillips em La Bamba (1987)

Nesse filme biográfico, Lou Diamond Phillips foi escalado para reviver o cantor de rock dos anos 1950, Ritchie Valens. Para atrair o público latino, as canções originais do famoso cantor foram reinterpretadas pelo grupo Los Lobos para a trilha sonora. Portanto, a verdadeira voz pertencia ao vocalista David Hidalgo, enquanto o ator teve o cuidado de sincronizar os lábios da melhor forma possível.

6. Wendy Makkena em Mudança de Hábito (1992)

Tanto no primeiro filme quanto em Mudança de Hábito 2: Mais Confusões no Convento, de 1993, a atriz interpretou Mary Robert, uma freira tímida, mas com uma voz potente. Wendy revelou que fez um teste para esse papel cantando, mas foi incapaz de atingir as notas altas. Então, os produtores tiveram de encontrar uma profissional para isso. A escolhida foi Andrea Robinson, cantora que também participou do encontro do elenco realizado 15 anos após a estreia do filme.

7. Jonathan Taylor Thomas em O Rei Leão (1994)

Jonathan fez a dublagem em inglês do personagem Simba, quando ele era um jovem leão, mas na hora de cantar a versão original de O que eu quero mais é ser rei Hakuna Matata, o ator entregou o microfone para Jason Weaver. O ator e cantor relembrou sua experiência e revelou que foi Elton John, o cocriador da música original do filme, que o ouviu cantar em um estúdio de televisão e o convidou para participar de uma audição para o papel. A Disney o contatou e lhe ofereceu um contrato para cantar nesse clássico animado.

8. Matthew Broderick em O Rei Leão (1994)

Curiosamente, assim como foi feito com o jovem Simba, a Disney decidiu que outra pessoa deveria cantar as canções do Simba adulto e a responsabilidade ficou com Joseph Williams, vocalista da banda Toto. Matthew acredita que faltou treinar melhor a sua voz para interpretar as canções, embora tenha feito duas gravações. Por sua vez, Williams mencionou que foi chamado porque conseguia atingir as notas para cantar Hakuna Matata.

9. Jennifer Lopez em Selena (1997)

Esse filme foi um dos trabalhos responsáveis por projetar a carreira artística de Jennifer Lopez, embora ela não tenha cantado nele. Na época, a atriz confessou que não se considerava cantora, e esse fato foi reforçado pelo produtor Gregory Nava em uma entrevista, por isso foram usadas as canções onde a própria Selena cantava para as cenas em que a personagem devia cantar. Em 2015, Jennifer prestou homenagem à “rainha do tex-mex” em uma premiação, mas dessa vez com sua própria voz.

10. BD Wong em Mulan (1998)

O ator fez a dublagem original do personagem Capitão Li Shang, exceto no momento de cantar a versão em inglês de Não Vou Desistir de Nenhum/Homem Ser. Donny Osmond foi escolhido pela Disney para participar do desenho animado, porque as vozes de ambos eram semelhantes, e, por isso, lhe foi oferecida a responsabilidade de interpretar a música. Vinte anos após seu lançamento, o cantor relembrou seu momento de glória e comentou que bateu em seu próprio estômago, ao gravar a canção, para tornar a cena mais realista.

11. George Clooney em E Aí, Meu Irmão, Cadê Você? (2000)

O ator estava pronto para cantar I Am a Man of Constant Sorrow em um estúdio de gravação. No entanto, parece que o resultado não foi o que os diretores esperavam, ou assim é como o ator se lembra desse episódio. Por isso contrataram o cantor Dan Tyminski para interpretar a música e Clooney se encarregou de movimentar os lábios no ritmo da letra. O músico expressou seu espanto quando a trilha sonora se tornou um sucesso dentro e fora do filme.

12. Zac Efron em High School Musical (2006)

Se você achava que Zac Efron tinha interpretado todas as músicas da trilogia High School Musical no papel de Troy Bolton, vai precisar eliminar o primeiro filme da lista. Apesar de ter feito as gravações musicais, o ator percebeu que sua voz não tinha sido inserida, e não recebeu nenhuma explicação dos editores. Drew Seeley foi quem realmente deu voz ao personagem quando cantava, mas essa não foi sua única colaboração ao musical. Mais tarde, o cantor substituiu Efron na turnê de shows do elenco, após a estreia do filme.

13. Marion Cotillard em Piaf — Um Hino Ao Amor (2007)

Marion Cotillard obteve várias indicações e vários prêmios graças a esse filme, que trata da vida de Édith Piaf. Por decisão da produção, ela não precisou cantar e foram utilizadas as gravações verdadeiras da famosa cantora francesa. A atriz confessou que, de qualquer forma, frequentou aulas de canto para aperfeiçoar a sincronização labial, a posição da língua e a respiração, a fim de se aproximar o máximo possível dos gestos de Piaf.

14. Yaya DaCosta em Whitney (2015)

Yaya DaCosta foi a encarregada de dar vida à cantora Whitney Houston no filme biográfico feito para a televisão, mas recebeu a ajuda de outra pessoa nas cenas de canto. A diretora dessa produção, Angela Bassett, convidou a cantora Deborah Cox para regravar as canções mais conhecidas de Whitney e se aproximar do tom de voz da verdadeira artista. Apesar disso, a atriz foi autorizada a cantar, para alegria dos figurantes que participaram das filmagens.

15. Rebecca Ferguson em O Rei do Show (2017)

Uma das músicas mais lembradas desse musical é Never Enough, cantada pela personagem Jenny Lind. No entanto, Rebecca Ferguson apenas a interpretou fisicamente. A própria atriz reconheceu que “cantar” foi a parte mais complicada das gravações. Quem realmente cantou essa melodia foi Loren Allred, que se gabou para todo mundo que a verdadeira voz entoada no filme era sua.

16. Rami Malek em Bohemian Rhapsody (2018)

Apesar de ser reconhecido com um Oscar de Melhor Ator por seu papel nesse filme, Rami Malek foi incapaz de reproduzir as qualidades vocais do verdadeiro Freddie Mercury. Segundo seu produtor, Graham King, a solução foi combinar gravações antigas do integrante do Queen com novas gravações feitas por Marc Martel, um cantor de rock canadense, cuja voz é semelhante à do músico britânico.

17. Rachel McAdams em Festival Eurovision da Canção: A Saga de Sigrit e Lars (2020)

A atriz, protagonista desse filme, interpretou Sigrit Ericksdóttir, integrante de uma dupla islandesa, que aspira participar de um concurso de música realizado na Europa. Embora Rachel inicialmente tenha cantado em algumas cenas, a produção decidiu fundir sua voz com a de Molly Sandén, uma cantora sueca que participou da versão infantil do verdadeiro Eurovision. Sandén, no entanto, garante que a única voz de mulher que se consegue ouvir nas canções da personagem é a sua.

Agora que você conhece alguns atores que fingiram cantar como profissionais, conte-nos nos comentários quais pessoas famosas do mundo do cinema você gostaria de ver demonstrando suas habilidades musicais.