Incrível

16 Restaurações milagrosas feitas por verdadeiros salvadores de obras de arte

8-32
17k

Restauradores de quadros podem ser comparados aos neurocirurgiões: ambos não têm margem para erro. Se escolhem o solvente errado para remover algum verniz velho e escurecido, podem acabar destruindo um trabalho, que foi preservado por muitos séculos. As principais qualidades de um bom restaurador são paciência e atenção. Para que se tenha uma ideia, restaurar apenas um centímetro de algum quadro pode levar até seis meses. O objetivo não é deixar o quadro “novo em folha”, mas sim clarear, corrigir e, ao mesmo tempo, manter as características de cada época.

Nós, do Incrível.club, assistimos aos vídeos de como pessoas conseguiram resgatar obras de arte e trazê-las de volta à vida. Resolvemos compartilhar os resultados dos esforços delas com você. Confira!

A mulher de vermelho (1618) passou 200 anos definhando por baixo de uma espessa camada de verniz até Philip Mould limpar o quadro e mostrar como era a imagem 400 anos atrás

O restaurador usou uma solução especial capaz de dissolver o verniz sem danificar a pintura

Graças ao restaurador, o retrato sem vida e escuro das irmãs gêmeas do século XIX ganhou novos ares e mais juventude

Cristo de Jan Sanders van Hemessen (século XVI) foi considerado provocador demais e, por isso, a pintura foi coberta com tons escuros e acrescentaram roupas. Hoje podemos ver como realmente era o original

O retrato de Isabel de Médici (século XVI) quase foi destruído por pensarem que era uma cópia falsificada devido ao trabalho de um restaurador do século XIX, que deixou o quadro quase que irreconhecível

À esquerda: quadro após restauração no século XIX; à direita: original restaurado

O quadro do pintor Babadyn Valeryan (séculos XIX-XX) precisou ser restaurado, pois estava em péssimo estado após um acidente. Tanto a tela como a moldura foram renovadas

O retrato da Princesa Henriqueta Ana de Inglaterra (1665) foi limpo do verniz velho e de sujeiras; também preencheram os defeitos e retocaram certas áreas

A imagem da encantadora garota com o passarinho — do final do século XVIII — foi transformada após a remoção do verniz escuro, trazendo de volta a leveza e os tons claros do original

O retrato perdido de Charles Dickens (1843) por Margaret Gillis foi encontrado acidentalmente na África do Sul dentro de uma caixa de bugigangas. Depois removeram a camada de mofo

Retrato da artista italiana Emma Gaggiotti (século XIX). A pintura foi limpa do verniz antigo e restaurada após trabalhos de conservação realizados anteriormente sem sucesso

Após a restauração do quadro, é possível sentir o raiar do sol da manhã batendo no castelo

O tempo foi bastante cruel com este retrato em óleo, mas o restaurador conseguiu fazer um belíssimo trabalho e recriar a imagem original

Este é o retrato de 400 anos do misterioso Príncipe Henrique após a limpeza do verniz velho

A Grande Mártir Santa Catarina, século XIX

O resultado do trabalho do restaurador espanhol José Nieva, que trouxe de volta à vida uma extraordinária pintura barroca

Após a remoção do verniz velho, a obra novamente ganhou vida e cores vibrantes

Este processo realmente parece um passe de mágica

Você já precisou usar os serviços de algum restaurador? Ou talvez você mesmo trabalhe com isso? De qualquer forma, compartilhe suas opiniões ou experiências nos comentários!

Imagem de capa philipmould / Twitter
8-32
17k