Incrível
Incrível

Por que é importante conferir as listras brancas no peito de frango cru

Quando crua, a carne de frango tem uma coloração rosada, mas é possível que você já tenha notado a presença de listras brancas em filés de peito. E se tiver percebido essas linhas, é possível que já tenha se perguntado se elas são normais. Um estudo da Universidade de Bolonha sugere que tais linhas brancas na carne de frango podem significar algo muito mais sério do que pensávamos.

Nós, do Incrível.club, temos grande interesse em tudo o que se refere à alimentação saudável. Por isso, não poderíamos deixar de compartilhar com você, leitor, nossas descobertas.

Um estudo publicado no Italian Journal of Animal Science concluiu que os filés de frango que possuíam listras eram mais grossos que o normal, chegando a superar o teor normal de gordura em até 224%. Por conta disso, os pesquisadores acreditam que as listras são resultantes de novas técnicas de criação e cultivo, aplicadas para fazer com que os frangos cresçam mais rapidamente e ganhem mais peso que o habitual. E isso também pode ser sinal de um transtorno muscular muito presente em aves híbridas.

Conforme o estudo destacou, em comparação com os números de 50 anos atrás, frangos e perus chegam ao peso de 3 quilos na metade do tempo, e são vendidos com o dobro do peso corporal que tinham há cinco décadas. O quadro ficou especialmente evidente entre frangos submetidos a dietas de alta energia, que costumam ser ricas em óleo suplementar de ave, uma gordura animal insaturada. Muitas dessas práticas surgiram com o intuito de atender a uma demanda pelo consumo de aves de criação, pois o filé de frango se tornou especialmente popular na Europa e América do Norte. Infelizmente, tais hábitos podem ter provocado um transtorno muscular nas aves, o que faz com que os músculos diminuam enquanto a gordura aumenta. E é justamente isso que provoca o surgimento das linhas brancas na carne.

O estudo afirma ainda que a carne de frango perdeu parte de seu valor nutricional ao longo dos anos, o que aumentou a preocupação com a ideia de que as linhas brancas indicariam que a carne estava perdendo gradualmente proteínas funcionais. Contudo, uma pesquisa realizada como parte do estudo afirmou que as listras brancas afetaram só 12% dos filés, dificultando conclusões definitivas.

De forma geral, muita gente considera que é seguro comer carne de frango com listras brancas, só que existe um outro inconveniente: o sabor. Em comparação com os frangos mais saudáveis, a carne pode ser mais dura, com um sabor descrito por muitos como “amadeirado”. Além disso, peito de frango com linhas brancas parece ter um sabor menos intenso e absorver menos os temperos.

Outro ponto a ser ressaltado é que as linhas brancas podem não ser a melhor propaganda para a indústria aviária. Uma pesquisa afirmou que cerca da metade dos consumidores afirmaram que não comprariam um peito de frango com listras em quantidade moderada. Foi observado também que filés com listras grandes pareciam mais gordos e apresentavam uma aparência manchada. Se as listras foram realmente causadas por novas técnicas de reprodução usadas para fazer com que a carne chegasse mais rapidamente ao mercado, então a prática certamente revelou-se contraproducente.

Para finalizar, ainda que sejam necessários mais estudos para determinar o que vem afetando a carne e quais podem ser as consequências a longo prazo tanto para as aves quanto para os consumidores, as listras provavelmente não são uma boa notícia para o mercado de carne de aves de maneira geral. As pessoas comprarão o que consideram mais seguro, e a verdade é que não deveriam existir atalhos ou subterfúgios quando se trata de proporcionar alimentos saudáveis aos clientes.

Você já notou algo estranho ao preparar ou consumir carne de frango? Deixe um comentário com seu relato!

Imagem de capa Shutterstock.com
Incrível/Receitas/Por que é importante conferir as listras brancas no peito de frango cru
Compartilhar este artigo