Incrível
Novo Popular
Inspiração
Criatividade
Admiração

10 Cidades que valorizam os cachorros como eles merecem

2--4
442

Apenas quem tem cachorro sabe como é dramático querer viajar e não ter onde deixar seu amigão. Muitas vezes, levar um cachorro junto deixa a viagem muito mais cara. Mas deixar o bicho de estimação em um hotel para animais pode sair o olho da cara. Além disso, sempre ficamos apreensivos em relação à maneira como a cidade ou o país que pretendemos visitar irão tratar os nossos melhores amigos caso eles embarquem conosco.

Infelizmente, essa situação não é fácil de resolver. Mas, para aliviar um pouco o drama, o Incrível.club preparou uma lista com 10 cidades que são super acolhedoras em relação aos animais. Elas têm muitas atrações e lugares que as pessoas podem conhecer com seus bichos de estimação.

1. São Francisco

Segundo uma pesquisa realizada pela SmartAsset, São Francisco é a cidade mais amigável para os cachorros dos Estados Unidos. O estudo comparou diferentes variáveis de 100 cidades americanas, entre elas o número de parques, restaurantes e centros comerciais aptos para receberem cachorros, lugares para caminhar, custos envolvidos e dias sem chuva. De todas as cidades avaliadas, São Francisco foi a única que obteve uma pontuação perfeita.

2. Paris

A sociedade parisiense reserva um lugar especial para os cachorros. É muito fácil encontrar estabelecimentos que aceitem animais. Quase todos os parques e praças públicas não permitem a entrada e, por isso, muitos outros lugares dão livre acesso. Dessa forma, as pessoas têm várias opções de lugares para passear. Além disso, os apartamentos costumam ter 30 m², o que obriga as pessoas a saírem com seus amigos de quatro patas para dar uma volta.

3. Berlim

Berlim é uma das cidades mais aptas da Alemanha para acolher cachorros. Há mais de 100 mil deles registrados oficialmente na cidade, mas as pessoas afirmam que há quase o dobro disso sem registro. Na capital alemã, é possível encontrar áreas para os cachorros fazerem exercícios e até mesmo visitações turísticas para pessoas com bichos de estimação. Mas os espaços públicos têm suas regras e é muito importante que elas sejam respeitadas, para que a convivência entre pessoas e animais seja sempre boa.

4. Amsterdam

Na maioria das cidades, os lugares precisam colocar avisos indicando que a entrada de cachorros é permitida. Em Amsterdam, acontece o inverso. Os lugares que não têm aviso indicando a proibição costumam aceitar os animais. O mais incrível é que até mesmo no transporte público os animais passeiam tranquilamente e sem pagar. A única exceção são os trens. Mas existe um Day Pass especial para eles.

5. Zurique

A Suíça é um país que respeita muito os animais. Para ter um cachorro é preciso passar por uma prova escrita, como uma espécie de carteira de motorista. Mas a cidade de Zurique se destaca entre as demais por ser o segundo destino europeu com mais hotéis “dog friendlydo mundo. Encontrar uma boa hospedagem para seu amigo de quatro patas não é um grande problema por lá.

6. Barcelona

Há alguns anos Barcelona vem tentando melhorar a sua receptividade em relação aos cachorros. Um grande exemplo é o EntreDogs, um espaço que dá total protagonismo aos cães (mas claro que os donos também são bem-vindos). O número de estabelecimentos que aceitam animais também aumentou muito e já existe uma grande quantidade de hotéis para cachorros.

7. Nova York

Em Nova York, sempre existe alguma coisa para fazer, mas o que pouca gente sabe é que a cidade é muito aberta aos cachorros. É possível encontrar excelentes hotéis “dog friendly”, como o luxuoso The Roxy Hotel Tribecca. Além disso, há bares e galerias, como o d.b.a. Bar e a William Secord Gallery, que aceitam animais. Tudo fica ainda melhor quando você descobre que pode levar seu bicho de estimação no metrô.

8. Lisboa

Em 2017, entrou em vigor, em Portugal, uma lei que estabelece que os cachorros não são objetos; são seres vivos. Oficialmente, os donos têm obrigações em relação aos animais: dar comida, bebida e atenção médica. Além disso, ações que podem causar lesões, dores ou sofrimento nos bichos de estimação podem levar a muitos anos de prisão. A norma também reduziu em 15% os impostos para gastos veterinários. E outro aspecto interessante: os donos de imóveis não podem deixar de alugá-los porque o interessado tem bichos de estimação.

9. Roma

Algumas pessoas brincam que é possível ver mais cachorros do que crianças em Roma. Historicamente, os cães sempre estiveram associados com a riqueza na Itália. Um exemplo disso é o fato de que algumas fontes têm acessórios com forma arredondada para que os nossos amigos possam beber água.

10. Tel Aviv

E em último lugar na nossa lista, mas não menos importante, está Tel Aviv, que vem se destacando nos últimos anos como uma das cidades mais “dog friendly” do mundo. No dia 26 de agosto é comemorado o Dia Nacional do Cachorro, com um festival pelos direitos caninos que junta mais de 30 mil pessoas nas ruas. Tel Aviv possui mais de 70 parques para cachorros e lançou o primeiro canal de TV para cachorros do mundo: o DOGTV.

Você já visitou alguma dessas cidades? Que outras conhece que sabem muito bem como tratar os animais? Aguardamos seu comentário.

2--4
442