Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Parece que pesquisadores, enfim, decifraram o mistério do Triângulo das Bermudas

----
44k

Ao que parece, a humanidade se aproxima da solução de um dos mais conhecidos mistérios do século XX: por que centenas de embarcações e aeronaves desapareceram de forma inexplicável no Triângulo das Bermudas.

Uma das primeiras reportagens sobre o assunto foi veiculada pelo canal de TV Science Channel. Pesquisadores norte-americanos da Universidade do Colorado descobriram nuvens hexagonais incomuns em fotos de satélite. Os meteorologistas compararam sua atuação com a de uma bomba aérea.

Segundo suas deduções, essas nuvens provocam correntes de ar super potentes, cuja velocidade pode alcançar até 274 quilômetros por hora. A 'ventania', que pode ser comparada a um furação, faz com que o ar "exploda", provocando ondas de até 15 metros no oceano.

Nenhum navio pode aguentar uma tempestade dessas proporções, assim como nenhum avião consegue voar com tanto vento.

As nuvens comuns não produzem figuras geométricas tão regulares. Mas, de acordo com as imagens de satélite, o Triângulo das Bermudas é uma exceção à regra. Depois de anunciar esta teoria, estudiosos de todo o mundo estão tentando descobrir o que este tipo de anomalia provoca.

Não podemos esquecer que o Triângulo das Bermudas fica no Oceano Atlântico, entre a Flórida, ilhas Bermudas e Porto Rico. Esta área é conhecida pela ocorrência de diversos fenômenos estranhos. A história começou em 1945, com o desaparecimento de cinco torpedos norte-americanos e um avião que trabalhava em seu resgate. Desde então, outros 75 aviões e algumas centenas de embarcações sumiram na mesma região. O último caso foi registrado em 2015, quando o navio "El Faro" desapareceu no oceano.

Tradução e adaptação Genial.guru
Imagem de capa horaciovelmont
Produzido com base em material de mirror.co.uk
----
44k