Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Os 9 lugares mais horripilantes da América Latina e da Espanha

1---
284

Existem lugares com histórias macabras, que ao longo do tempo têm semeado um imaginário escabroso ao seu redor. Lugares que quando você entra, já lhe dão arrepio, deixando você com vontade de sair correndo. Embora existam alguns corajosos amantes da adrenalina e do perigo, que se arriscariam a entrar nestes lugares misteriosos, a pergunta é: você também se arriscaria?

Nós do Incrível.club mostramos a você os 6 lugares mais horripilantes da América Latina e da Espanha. No Brasil, um dos casos mais famosos é o do Castelinho da Rua Apa, em São Paulo, palco de um crime familiar na década de 1930 e que, desde então, está abandonado. Você conhece alguns deles?

1. Hotel "El Salto del Tequendama", Colômbia

O hotel foi construído em 1923 sobre o que, para o povo Muisca, era um território sagrado. Oferecia privilegiadas vistas às cachoeiras do "Salto del Tequendama". Lamentavelmente, o hotel ficou famoso não por sua hospitalidade, mas pelos numerosos casos de suicídios que se apresentavam, sobretudo por amantes despeitados que aí se hospedavam para atirar-se no vazio.

2. "Ilha das bonecas", Xochimilco, México

Cabeças de bonecas de plástico penduradas nas árvores são o cenário a ser observado. Existem muitas versões sobre o que realmente ocorreu ali. O que se sabe é que um habitante do lugar se dedicava a pendurar as bonecas para afugentar os espantos, depois que uma jovem (alguns dizem que era sua neta) afogou-se no terreno. As circunstâncias não são claras, o certo é que o homem que pendurava as bonecas também se afogou no pântano.

3. Cemitério de Chauchilla, Peru

Trata-se de uma necrópole ao ar livre pré-incaica, situada a 30 km de Nazca. O clima árido da região possibilitou que os restos humanos que aí se encontravam fossem muito bem conservados. É possível até ver cabelo ou pele que ainda permanecem nos cadáveres. É uma pena que os saqueadores não respeitaram a paz destas tumbas, e foram deteriorando o cemitério à procura de qualquer pitada de ouro que pudessem encontrar.

4. Hospital do Tórax, Tarrasa, Espanha

Era um hospital que abrigava pacientes com doenças respiratórias graves, entre 1952 e 1997. Sua história é arrepiante, já que os pacientes ficavam reclusos numa média de um ano, antes de morrer ou se suicidar. Os especialistas atribuíam esse fenômeno a uma psicose provocada pela internação, mas seja qual for o motivo, o fato é que este hospital tem inspirado a criação de vários filmes de terror.

5. Sanatório de Atalaya, Ciudad Real, Espanha


É um antigo sanatório de tuberculose, que posteriormente foi transformado em um hospital psiquiátrico infantil, cheio de lendas arrepiantes, com gritos de pacientes e fantasmas na estrada. Mas uma destas histórias não é lenda, é um fato verídico. Em 1987, na frente do sanatório, um policial disparou contra um casal de namorados que estavam num carro estacionado, e depois se matou. As razões são desconhecidas.

6: Zona do Silêncio, Durango, México

Esta extensão desértica está localizada no norte do México. Em 1970, um míssil de testes perdeu o controle e caiu na área, desencadeando uma série de lendas, segundo as quais existe um campo eletromagnético que afeta as transmissões e as bússolas. Dizem inclusive que a flora e a fauna apresentam mutações, e que também são frequentes os encontros com extraterrestres. Curiosamente, esta reserva natural encontra-se no mesmo paralelo do Triângulo das Bermudas, das pirâmides de Giza ou das cidades sagradas do Tibete.

7. Torres del Sisal, Barquisimeto, Venezuela

As torres formam parte de um macroprojeto que previa 10 edifícios de 23 andares. No entanto, a construção foi interrompida porque uma falha estrutural foi encontrada, que, somada à instabilidade do terreno, fez com que o projeto fosse insustentável. O empreiteiro, ao ver que estava na bancarrota, decidiu atirar-se de uma das torres, sendo o primeiro suicídio de mais de 30 que ocorreram ali desde então. Diz a lenda que uma voz fala aos desesperados que se atirem, e também há rumores de rituais satânicos e gritos penetrantes no lugar.

8. Sanatório Durán, Cartago, Costa Rica

Histórias de almas de freiras, de médicos e de enfermos de tuberculose, percorrem os corredores deste sanatório, que em certo momento foi considerado um dos melhores hospitais no tratamento da tuberculose. Mas a erupção do vulcão Irazú, em 1973, juntamente com a erradicação da doença, levaram ao fechamento deste centro, que transformou-se numa prisão, e agora faz parte da União dos Pequenos e Médios Produtores Nacionais. No entanto, os que lá estiveram falam de gritos e figuras fantasmagóricas que assombram os corredores.

9. Belchite, Espanha

Este povoado fantasma está localizado em Zaragoza, e não apenas suas histórias de aparições o fazem assustador, como também a sua triste história. Belchite foi destruído pelos republicanos durante a Guerra Civil Espanhola em 1937, onde mais de 6.000 pessoas perderam a vida. Hoje é o povoado fantasma mais visitado na Espanha e as pessoas são atraídas pelas histórias de almas que vagam pelas suas ruas. Especialistas paranormais dizem que têm gravações onde é possível ouvir os ecos da guerra, dos aviões, das bombas e dos lamentos, impregnados em cada canto do lugar.

1---
284