Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

5 países que oferecem ótimas bolsas de estudo

----
636

Muita gente tem vontade de estudar no exterior, mas poucos sabem que isso é algo perfeitamente possível. Para tanto, você nem precisa passar anos economizando dinheiro nem vender tudo para realizar seu sonho. Alguns países com bons sistemas de educação contam com programas que pagam a estudantes estrangeiros não só os estudos, mas até as passagens e hospedagem. Alguns chegam a oferecer uma ajuda de custo suficiente para os gastos pessoais.

Claro que ninguém dá dinheiro para qualquer um, então, para ganhar a oportunidade, é preciso submeter-se a provas, e ganham só os mais aplicados e convincentes. Nós, do Incrível.club, acreditamos que vale muito a pena tentar. Se você não for mais estudante, sugerimos que você dê a ideia aos seus filhos.

Grã-Bretanha

A educação na Grã-Bretanha é considerada uma das melhores do mundo, e uma das mais caras. Porém, estudantes promissores de outros países têm a chance de ganhar uma bolsa e uma ajuda de custos. Cerca de 40 universidades famosas, incluindo a de Oxford a Escola de Belas Artes de Londres, oferecem a bolsas a estrangeiros. Por exemplo, a bolsa para o mestrado em economia em Oxford é de 20 mil libras esterlinas por ano - 26 mil dólares.

Existe também o famoso programa Chevening, do governo da Grã-Bretanha, que, além de uma ajuda de custo mensal e da gratuidade das aulas, paga os gastos com passagens e visto. A desvantagem é que você precisa deixar o país 2 anos após o fim do curso.

Valor da bolsa e o que está incluído: até 20 mil libras esterlinas por ano, incluindo 600 a 700 libras para gastos mensais, pagamento dos estudos, matrículas, passagens de ida e volta, visto, etc.

Quando se inscrever: para o Chevening, até 8 de novembro de 2016.

Alemanha

A Alemanha está interessada em atrair especialistas de algumas áreas. Por exemplo, no programa estatal de intercâmbios acadêmicos DAAD há vagas para quem estuda arquitetura, design e economia.

O programa DAAD é ideal para quem já se graduou, mas quer melhorar os conhecimentos ou aprender disciplinas relacionadas: na Alemanha, há uma grande quantidade de universidades que oferecem estudos de pós-graduação com duração de 2 anos. Em vários casos, esses cursos são gratuitos ou com preços acessíveis. A grande vantagem de participar deste programa é que, após o fim do curso, as chances de encontrar trabalho na Alemanha são grandes.

Valor da bolsa: 750 euros por mês, matrículas (até 500 euros por semestre).

Quando se inscrever: aproximadamente a partir de 1 de outubro de 2016 (acompanhe as notícias nesta página).

Mais bolsas na Alemanha

Estados Unidos

O programa norte-americano Fulbright é aceito em vários países. Ele distribui bolsas a jovens especialistas com idades até 30 anos que já se formaram ou estão no último ano. Após a finalização do programa, é preciso deixar os EUA e voltar para casa.

Valor da bolsa: 2500 a 2900 dólares por mês, mais custos dos estudos, passagens de ida e volta e seguro médico. É possível levar os filhos ou marido/esposa, dando a eles um visto de trabalho (ao seu parceiro, é claro, não às crianças).

Quando se inscrever: fevereiro de 2017.

Página oficial:

Suécia

Várias universidades na Suécia oferecem bolsas a estudantes estrangeiros. Geralmente, a bolsa dura um ano, mas se o aluno apresenta bom desempenho, o prazo pode ser prolongado. Muitas embaixadas da Suécia oferecem bolsas para estudos no pais. Procure o site da embaixada em seu país para ver mais detalhes.

Valor da bolsa: Depende do programa. Pode chegar a até 9.000 SEK por mês (1.077 dólares), seguro, cursos, passagens.

Quando se inscrever: aproximadamente em fevereiro de 2017 (acompanhe as notícias na página da universidade que você escolheu).

Mais informações:

Holanda

Na Holanda, existe o programa de bolsas chamado Orange Tulip Scholarship ("Bolsa da Tulipa Laranja"). Em 2016/17, 18 universidades participam da iniciativa.

Algumas oferecem pagamento parcial pelos estudos, enquanto em outras, os cursos são gratuitos. A instituição mais generosa é a Universidade de Tecnologia de Delft, que oferece pagamento pelos estudos, visto e 2 anos de ajuda de custo, dando a cada bolsista 49.200 euros para 2 anos. Já a faculdade de medicina da Universidade de Groninga paga o curso e mais 850 euros mensais para hospedagem e gastos pessoais.

Valor da bolsa: até 24,6 mil euros por ano, incluindo 850 euros por mês para gastos pessoas e estudos.

Quando se inscrever: aproximadamente a partir de 1 de novembro de 2016.

----
636