Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

O que estes bilionários têm em comum?

----
577

Estamos acostumados a pensar que a educação é a chave para o sucesso e o primeiro passo para a riqueza. Isso nem sempre é verdade. Na maior parte dos casos, a prática e o 'timing' fazem mais diferença do que um diploma na hora de ganhar dinheiro.

Hoje, contaremos um pouco sobre algumas pessoas que alcançaram a riqueza (material) sem acabar os estudos.

Richard Branson

Educação: não acabou o segundo grau

O futuro fundador da empresa Virgin e ricaço boa praça não era bom na escola. Aos 16 anos largou os estudou e foi para Londres. Seu primeiro projeto de negócios foi uma revista. Aos 17 anos, Branson fundou sua primeira fundação beneficente. Hoje, Branson não apenas possui uma gravadora, como também uma empresa de linhas aéreas. Também está testando os primeiros voos espaciais comerciais.

Ingvar Kamprad

Educação: segundo grau

Uma empresa de móveis muito conhecida pno exterior, a IKEA, foi fundada por Ingvar Kamprad quando ele tinha apenas 17 anos. O futuro bilionário não era bom nos estudos, era disléxico e nunca entrou na universidade.

Henry Ford

Educação: segundo grau

Os estudos na igreja não lhe interessavam muito. A única paixão de Henry Ford eram as máquinas. Aos 16 anos ele fugiu de casa e viajou a Detroit onde começou a trabalhar como assistente de mecânico. Depois, ele fundou a Ford.

Michael Dell

Educação: 1 ano de universidade

Fundador da empresa DELL, Michael Dell começou a ganhar dinheiro aos 12 anos vendendo jornal. Durante os estudos, fundou sua primeira empresa de computação, a PC’s Limited, e aos 19 decidiu abandonar a universidade.

Li Ka-Shing

Educação: segundo grau não acabado

Uma das pessoas mais ricas do mundo é o chinês Li Ka-Shing. Ele teve de largar a escola aos 12 anos para começar a trabalhar em uma fábrica que produzia flores de plástico. Aos 22 anos, ele fundou a empresa Cheung Kong. Além do comércio, a empresa está nos setores imobiliário, hoteleiro, informático, entre outro.

Bill Gates

Educação: 2 anos de universidade

Bill Gates tem um diploma da Harvard, mas ele foi entregue apenas em 2007 por decisão especial da universidade, como uma mostra de agradecimento pelos seus méritos. Na realidade, ele estudou lá apenas durante 2 anos.

Lawrence J. Ellison

Educação: 2 anos de universidade

Um dos fundadores da empresa Oracle, segundo lugar no mundo das fabricantes de software, atrás apenas da Microsoft, tentou estudar na universidade por duas vezes, mas desistiu. Na Universidade de Illinois ele estudou durante 2 anos e na de Chicago ficou apenas 1 semestre.

John D. Rockefeller

Educação: 3 meses de cursos de contabilidade

Uma das pessoas mais ricas que a história já conheceu é John D. Rockefeller. Ele ganhou seus primeiros dólares aos 7 anos. Aos 13 começou a emprestar dinheiro a conhecidos, sempre cobrando comissão. Quando terminou o primeiro grau, John continuou estudando, mas por pouco tempo. Ele fundou a empresa de petróleo Standard Oil, maior empresa do mundo no início do século XX.

Amancio Ortega

Educação: não acabou o segundo grau

O criador da marca Zara, Amancio Ortega, largou a escola aos 13 anos e começou a trabalhar como mensageiro em uma loja de roupa. Ortega abriu a sua primeira loja em 1975, que viria a se tornar a Zara. Ele já apareceu no topo da lista dos mais ricos do mundo diversas vezes.

Mark Zuckerberg

Educação: 2 semestres de universidade

O bilionário mais jovem da lista é Mark Zuckerberg. Embora esteja na lista de alunos da Harvard, ele nunca se formou, porque se dedicou à criação da famosa rede social, o Facebook. Zuckerberg também estudou para ser psicólogo.

Imagem de capa britannica, rexfeatures
----
577