Incrível
Incrível

20 Músicas brasileiras que a gente sempre cantou errado

Cantar faz parte da personalidade de todo mundo. Nem que seja no chuveiro. Mas, mesmo nas letras cantadas em português, você já se deu conta que pode estar cometendo alguns erros nas letras?

Incrível.club separou uma lista de sucessos que são cantados de forma rápida em algumas partes da música e que levam a interpretações criativas dos ouvintes, que passam a espalhar letras que são um pouco diferentes do que aquelas pensadas pelos compositores.

’Whisky a Go Go’

Quem nunca cantou ou viu alguém cantar “eu perguntava tudo em holandês, e te abraçava tu e o holandês”. Esse grande sucesso do Roupa Nova, tem na letra original o trecho “Eu perguntava Do You Wanna Dance? E te abraçava Do You Wanna Dance?”

’Como Nossos Pais’

“Como Nossos Pais” é uma composição de Belchior, mas foi imortalizada por Elis Regina. O trecho que muita gente canta como “Mas é você que é mal passado e que não vê” na verdade é “Mas é você que ama o passado e que não vê”.

’Arerê’

Para os mais apaixonados que sempre cantaram “Um love, um love, um love com você” na gravação de Ivete Sangalo, uma má notícia: A letra original é “Um lobby, um hobby, um love com você”... Mas tudo bem, a música é mesmo legal e sempre volta a tocar em tempos de Carnaval.

’Malandragem’

A canção foi composta por Cazuza e Frejat para Angela Ro Ro, que nunca a gravou. No início dos anos 2000, porém, “Malandragem” fez um enorme sucesso na voz de Cássia Eller e embalou toda uma geração que cantou “Quem sabe o príncipe virou um sapo”, mas na verdade a letra é “Quem sabe o príncipe virou um chato”.

’Noite do Prazer’

Um clássico quando o assunto é cantar errado! Os cantores de chuveiro cantam “Na madrugada vitrola rolando um blues, trocando de biquíni sem parar”. Mas na verdade é “Na madrugada vitrola rolado um blues, tocando B.B. King sem parar”... A música de Cláudio Zoli foi lançada em 1983 pela banda Brylho, da qual era vocalista e voltou a fazer sucesso no início dos anos 2000 quando integrou a trilha sonora do primeiro Big Brother Brasil.

’Garota Nacional’

Caso clássico de mistura de português e inglês. Saiba que a letra da canção do Skank nunca disse “berimbau bau bau”. O correto é “Beat it laun! Down down! Beat it laun, dap’n down Beat it laun! Down down”. Que, numa tradução livre, significa vencer alguém. E você errou todo este tempo, admita.

’Chão de Giz’

Amantes do cinema e da música, um alerta: Não tem nada a ver com Hollywood! Na hora de cantar “Fotografias recortadas de jornais de folhas, Hollywoood, preste muita atenção: o que Zé Ramalho pronúncia é “Fotografias recortadas de jornais de folhas, amiúde”, que significa “repetidas vezes”. Aliás, esta é uma letra de música que não faz sentido, convenhamos.

’Não Aprendi Dizer Adeus’

Você poderia jurar que a música dizia “Mas deixo você ir, sem lágrimas no olhar, só Deus me machuca”. Mas, na verdade, nunca foi. A dupla Leandro & Leonardo, no auge do sucesso, falava sobre uma separação dizendo “Mas deixo você ir, sem lágrimas no olhar, se o adeus me machucar.

’Melô do Marinheiro’

Uma das mais clássica das letras cantadas erradas. Quem nunca falou “Entrei de caiaque no navio! Entrei, entrei, entrei pelo cano? Deve realmente ser muito legal entrar de caiaque em um navio, mas não era essa a ideia de João Barone e Bi Ribeiro quando compuseram a música. O correto é Entrei de gaiato num navio! Entrei, entrei, entrei, pelo cano”.

’Homem Primata’

A canção de 1987 é um dos maiores sucessos dos Titãs. E muita gente, mesmo sabendo o título da música, canta “Homem que mata! Capitalismo selvagem”. Não é difícil perceber que na verdade o que diz a letra de Marcelo Fromer, Nando Reis, Sérgio Britto e Ciro Pessoa é “Homem Primata! Capitalismo selvagem”.

’Admirável Chip Novo’

“Use, seja, ousadia”. Bem, lamentamos informar aos respeitáveis cantores de chuveiro que não há nenhuma ousadia nesta música lançada em 2003 e que foi um dos primeiros sucessos da cantora baiana Pitty. O que ela diz na canção é “Use, seja, ouça, diga”.

’Lágrimas e Chuva’

Diz a sabedoria popular que quem planta problemas, colhe problemas. Quem canta este hit do Kid Abelha errado deve estar bastante encrencado: “Eu tô plantando meus problemas que eu quero esquecer”. A verdade é que não há plantação nenhuma na letra de 1985, que diz “Eu dou plantão dos meus problemas que eu quero esquecer”.

’Mesmo que Seja Eu’

“Um homem pra chamar Dirceu, mesmo que seja eu”. Convenhamos, isso é até engraçado, porque não faz sentido algum. Vai me chamar de Dirceu? Ney Matogrosso, que interpreta a música de 1982 de Erasmo Carlos, canta “Um homem pra chamar de seu, mesmo que seja eu”.

’O Vento’

Devemos informar neste momento que não existe o verde que a galera canta ao ouvir o maior sucesso do Los Hermanos (depois de “Anna Júlia”). Quem canta “O vento vai dizer, lento o que virá, existe um verde e mais”, erra feio. A verdadeira letra da canção fala que “O vento vai dizer, lento o que virá, e se chover demais”.

’Você Vai Estar na Minha’

Um dia eu vou estar à toa e você vai estar na mira” é a letra correta para quem sempre achou que o crush estaria na sua um dia. Negra Li lançou esta música em 2006 e muita gente acredita até hoje que ela diz “Um dia eu vou estar à toa e você vai estar na minha”, porque este é o título da música. Talvez Negra tenha tentado aprontar uma pegadinha pra gente.

’Amor de Chocolate’

Autoestima é superimportante, até fundamental, diriam alguns. Mas ela não faz parte da música de Naldo Benny, já que a letra real é “Alto, em cima, alto, em cima”, que muita gente canta “Autoestima, autoestima”. Talvez até você já tenha feito isso, confesse.

’Amarelinha’

Se liga, vê se mexe mais essa galinha” é o que a galera cantava lá nos idos dos anos 1990, principalmente os fãs da banda Art Popular. Mas a galinha não tinha nada a ver com isso, apesar de parecer. A verdade sempre foi “Se liga, vê se mexe mais, não sai da linha”.

’Eduardo e Mônica’

A Mônica deste clássico da Legião Urbana não era uma garota descolada e ’robótica’. Decepcionando quem achava que a letra diz “Ela gostava do Bandeira e do Bauhaus, Van Gogh, dos Mutantes, de Caetano e de robô. Mônica curte o poeta francês Arthur Rimbaud. O verso: “Ela gostava do Bandeira e do Bauhaus, Van Gogh, dos Mutantes, de Caetano e de Rimbaud”.

’O Sol’

Ei, dor, eu não te escuto mais, você não me leva a nada”, é a letra da música o Sol, do Jota Quest. Para aqueles que cantavam dizendo que não escutavam mais o Heitor, informamos: o Heitor em nada tem a ver com a música. Aliás, sabe a história do nome Jota Quest? Nós te contamos aqui.

’Pacato Cidadão’

Ora, se não temos aqui um repeteco do Skank. “Pacato cidadão é o pacato da civilização” é o que diz a letra de um dos primeiros hits da banda mineira liderada por Samuel Rosa. Por alguma razão que nunca entenderemos muita gente canta “Macaco cidadão”.

Você lembra de outra música que gerou alguma interpretação engraçada e que ficou na memória das pessoas? Conte pra gente, deixe seu comentário!

Incrível/Famosos/20 Músicas brasileiras que a gente sempre cantou errado
Compartilhar este artigo
Você pode gostar destes artigos