20+ Curiosidades sobre Maggie Smith — uma atriz que se tornou conhecida mundialmente apenas com 70 anos

Quase 70 anos atrás, Maggie Smith decidiu se tornar uma atriz. Durante a sua brilhante carreira, ela já interpretou mais de 100 personagens diferentes e icônicos. No entanto, a maioria dos espectadores a conheceu apenas quando já estava mais velha — no papel da talentosa bruxa Minerva McGonagall, na saga Harry Potter, e como a condessa viúva de Grantham em Downton Abbey.

Pensando nisso, nós, do Incrível.club, decidimos fazer justiça e falar sobre essa mulher incrível. Confira!

  • Dame Margaret Natalie Smith nasceu em 28 de dezembro de 1934 em Ilford, uma cidade nos subúrbios de Londres. Apesar de fazer muito sucesso interpretando aristocratas ricas, ela veio de uma família simples. Sua mãe era secretária e seu pai patologista da Universidade de Oxford.
  • Desde a infância seu sonho era ser atriz, mas seus pais não compartilhavam do mesmo entusiasmo. A mãe duvidava que sua filha pudesse ser artista por não considerá-la um padrão de beleza para a época.

Maggie no início dos anos 50

  • No entanto, a garota não desistiu do seu objetivo. Aos 17 anos, começou a estudar atuação e um ano depois estreou nos grandes palcos. Seu primeiro papel foi com a personagem Viola na peça Noite de Reis, baseada na obra homônima de Shakespeare.
  • É difícil acreditar, mas Maggie Smith começou a carreira como comediante. Ela viajou com produções visuais por vários anos. A artista cantava, dançava e entretinha o público, e aos 22 anos, já se apresentava na Broadway.

Maggie no musical Oh! Que Bela Guerra! (1969)

  • Como uma comediante de sucesso, recebeu muitos trabalhos no teatro e na televisão, mas seus papéis começaram a se tornar semelhantes. A grande virada veio com a participação na peça Otelo, o Mouro de Veneza. Os críticos fizeram fila para aclamá-la e os diretores de cinema começaram a disputar entre si para ter Maggie em suas produções cinematográficas.

Filme Viagens com a Minha Tia (1972)

  • Embora Maggie tenha preferido dedicar sua carreira ao teatro, sua atuação em A Primavera de uma Solteirona lhe trouxe reconhecimento mundial. Ela transmitiu com tamanha maestria o caráter contraditório da sua personagem — uma professora fascista — que ganhou o Oscar de Melhor Atriz pela sua performance.

Maggie em uma cerimônia de premiação em 1970

  • Outra estatueta veio pela sua participação no filme Califórnia Suite, só que dessa vez na categoria Melhor Atriz Coadjuvante. No total, ela já foi indicada 6 vezes ao Oscar.

Maggie Smith e Michael Caine no set de Califórnia Suite, em 1978

  • Maggie Smith é uma das poucas artistas a fazer parte seleto grupo Tríplice Coroa da Atuação. Para entrar nele, é preciso ganhar os principais prêmios do mundo do entretenimento: cinema (Oscar), teatro (Tony) e televisão (Emmy). No total, a atriz soma 58 vitórias em diversas premiações.

Maggie na comédia A Máquina de Fazer Milhões (1968)

  • O papel de Lady Violet em Downton Abbey lhe rendeu três prêmios Emmy. No entanto, ironicamente ela não assistiu à série e ficou feliz porque a trama acabou, pois, em sua opinião, a personagem ficou sem lógica: na última temporada, a condessa devia ter cerca de 110 anos. Além disso, a popularidade alcançada após o seriado acabou dificultando a vida discreta que Maggie mantinha.
  • Em uma entrevista, a atriz compartilhou um incidente engraçado em relação ao seriado: “Outro dia peguei um táxi. O motorista me reconheceu de Downton Abbey e me perguntou quando começaria a próxima temporada. Antes que eu pudesse responder, ele disse: ’Eu sempre assisto quando não está passando futebol’, e isso com certeza me colocou no meu lugar”.
  • Por sua contribuição à arte, Maggie recebeu duas vezes a medalha de Excelentíssima Ordem do Império Britânico. Além disso, 3 universidades britânicas renomadas lhe concederam o título de doutora honoris causa em literatura, mesmo que a artista não tenha outra formação além da escola de teatro.
  • Sua vida pessoal daria um verdadeiro roteiro para um drama. Em sua juventude, a garota teve um caso com o dramaturgo Beverly Cross. O escolhido era casado e Maggie decidiu não esperar por seu divórcio, por isso se casou com o ator Robert Stevens. A união não foi bem-sucedida porque o marido bebia muito, o que levou a carreira dele por água abaixo.

Maggie Smith, seu marido e seu filho mais velho, Chris Larkin

  • Durante o casamento com Robert Steves, Maggie deu à luz 2 filhos, e ambos seguiram os passos dos pais. Chris Larkin já estrelou vários filmes, mas nunca se tornou realmente famoso. Já o filho mais novo, Toby Stevens, ficou conhecido por interpretar o vilão em 007 — Um Novo Dia Para Morrer. Outro papel dele de sucesso é o capitão pirata na série Black Sails.

Maggie Smith e seu filho mais novo, Toby Stephens

  • Pouco depois do divórcio, Maggie se casou novamente — com seu primeiro amor, Beverly Cross. Eles viveram juntos por longos 22 anos, até que em 1998 seu amado foi levado por uma doença cardíaca. A atriz ficou muito chateada com a morte do marido. Em uma entrevista, disse: “Todo mundo diz que vai melhorar, mas acho que não. Tudo se torna diferente”.
  • Beverly Cross sempre apoiou a esposa, principalmente quando, aos 54 anos, ela foi diagnostica com a doença de Graves. Trata-se de uma enfermidade autoimune que atinge a tireoide e pode provocar fraqueza no corpo e o aumento dos olhos, algo que poderia acabar com sua carreira. Mas a atriz lutou contra a doença, e corajosamente se submeteu à radioterapia e a uma cirurgia oftalmológica.

Maggie e Beverly Cross

  • No início da carreira, Maggie não demorou para alcançar sucesso no teatro, e era a favorita de muitos diretores. Mas a maioria dos espectadores apenas descobriu a estrela após a saga Harry Potter, quando ela já estava com quase 70 anos. A própria artista brinca que antes simplesmente não existia para o grande público.
  • A sua parte favorita da franquia é o início, e simplesmente porque sua personagem se transformava em uma gata. Parece que a atriz tem uma relação especial com os bichanos — ela fez parte de uma campanha de captação de recursos para os gatos de rua na Grã-Bretanha. Várias celebridades se engajaram no projeto e o dinheiro arrecadado foi usado para um fundo de bem-estar para os animais.
  • No entanto, Maggie considera seu trabalho em Harry Potter insatisfatório, porque sentia que nesses filmes não atuava de verdade como em outros longas.

Maggie em Harry Potter e Divinos Segredos

  • Durante as filmagens de Harry Potter e o Enigma do Príncipe, ela lutou contra um câncer de mama. Por causa dos medicamentos, ficava exausta. Em relação à doença, disse: “Os últimos anos simplesmente foram apagados da minha vida, mas agora estou começando a me sentir como um ser humano. Minha energia está voltando. Tempos difíceis acontecem. Tive que me recompor um pouco”.
  • Maggie Smith sempre foi muito crítica consigo mesma e com suas capacidades profissionais, e nunca perdeu uma chance de se questionar. Em uma de suas primeiras premiações, comentou que o júri simplesmente não tinha pensado em mais ninguém para entregar o prêmio. E em outra cerimônia, comentou — com ironia: “Não consigo parar de pensar que me deram este prêmio apenas porque já sou velha”.

  • A doença a afastou por 12 anos do seu amado teatro. Ela estava com medo de não conseguir mais subir no palco, mas o retorno triunfante aconteceu — para a nossa felicidade. Em 2019, estrelou um show solo chamado A German Life (sem versão para o português), onde por 100 minutos realizou um monólogo penetrante sobre uma mulher que trabalhou para o regime nazista.
  • Por essa peça, aos 84 anos a atriz ganhou o seu sexto prêmio Evening Standard, que é o mais antigo do teatro no Reino Unido.
  • O influente ator e diretor britânico Simon Callow comentou sobre a artista: “Ela é sublime na comédia, mas é a melhor no drama. Não há atriz melhor que Maggie Smith”. Apesar de todas as dificuldades, ela não pretende sair dos palcos, mas brinca que seu próximo papel provavelmente vai ser mais uma “velhinha”.

Maggie Smith em uma premiação em 2019

Você já assistiu a outras produções com Maggie Smith além de Harry PotterDownton Abbey? Conte para a gente na seção de comentários.

Compartilhar este artigo