13 Atores que recusaram ou perderam papéis famosos no cinema e na televisão

Quando um projeto de cinema ou televisão entra na fase de produção, o diretor muitas vezes tem em mente certas estrelas para interpretar os papéis principais. No entanto, alguns desses famosos recusam a oferta ou porque já têm outros projetos em mãos ou porque não passam na audição, perdendo o papel.

Assim, os produtores precisam substituí-los por atores ou atrizes menos conhecidos, e às vezes essa acaba sendo a melhor decisão, pois conseguem cativar o público, transformando o projeto em um verdadeiro sucesso.

Nós, do Incrível.club, reunimos uma lista de estrelas das telonas e telinhas que quase deram vida a personagens icônicos. Alguns desses papéis foram responsáveis por impulsionar a carreira de diversos deles.

1. Jennifer Lawrence — Alice no País das Maravilhas

Jennifer Lawrence é uma das atrizes mais bem cotadas de Hollywood, graças ao papel de Katniss Everdeen na trilogia Jogos Vorazes, que a levou à fama, além da sua atuação em O lado bom da vida. A atriz caracteriza-se por ser muito franca com a imprensa e confessou em entrevista que sentiu muito ao não passar na audição para o filme Alice no País das Maravilhas. Lawrence admitiu que não conseguiu falar com sotaque britânico e, assim, o diretor Tim Burton escalou a atriz Mia Wasikowska para o papel de Alice.

2. Nicolas Cage — O Senhor dos Anéis

Nicolas Cage foi uma das maiores estrelas de Hollywood nos anos 1990. O ator confessou que poderia ter interpretado Aragorn, da saga O senhor dos anéis, quando o diretor Peter Jackson lhe ofereceu o papel, mas decidiu recusar, porque não queria se mudar para a Nova Zelândia e viver longe da sua família durante mais de 400 dias de gravação. O ator Viggo Mortensen acabou ficando com o papel de Aragorn, que o catapultou à fama.

3. Emma Watson — Cinderela

Emma Watson revelou em uma entrevista que foi convocada para interpretar Cinderela, mas recusou a oferta. “Eu não sabia que iam fazer a Bela e a Fera no momento em que recusei Cinderela. Mas depois me ofereceram o papel de Bela”. Watson concordou em interpretar Bela em carne e osso, porque se sentiu mais identificada com esse personagem do que com Cinderela. Esse papel no final ficou com a atriz Lily James.

4. Anne Hathaway — Ligeiramente Grávidos

Ligeiramente grávidos foi um dos filmes de maior bilheteria de 2007. O papel que impulsionou a carreira de Katherine Heigl foi oferecido primeiramente à Anne Hathaway. No entanto, Hathaway recusou o papel porque não se identificava com a cena do parto, pois ainda não tinha passado pela maternidade. Anos depois, a atriz disse que deveria ter aceitado a oferta.

5. Leonardo DiCaprio — Homem-Aranha

Após o sucesso de bilheteria obtido com Titanic, Leonardo DiCaprio recebeu inúmeras ofertas de papéis, mas rejeitou todas. Leo teve a oportunidade de dar vida a Peter Parker, mas recusou porque não se sentia atraído pelo papel de super-herói ou vestindo a roupa do mascarado Homem-Aranha. Assim, quem conseguiu o papel foi o amigo dele, Tobey Maguire.

6. Christina Applegate — Legalmente Loira


Na década dos anos 1990, Christina Applegate era uma figura conhecida na telinha, graças ao seu papel como Kelly Bundy em Um amor de família. Assim que a série chegou ao fim, recebeu a oferta para dar vida à Elle Woods, em Legalmente Loira. Mas, ao ler o roteiro, recusou o papel porque não queria continuar interpretando uma garota loira. Anos depois, a atriz falou sobre a oportunidade perdida e admitiu ter sido uma péssima decisão abrir mão do papel principal que tornou Reese Witherspoon famosa.

7. Angélica Aragón — Ambição

Em 1986, Carlos Téllez, escritor e produtor da novela Ambição, ofereceu o papel principal a Angélica Aragón, mas ela recusou a oferta. Foi assim que a atriz Diana Bracho, que estava cotada para dar vida à Vilma de la Fuente na mesma produção, acabou interpretando a vilã Leonora Navarro.

8. Guy Ecker — Betty, a Feia

Talvez seja difícil imaginar Don Armando de Betty, a Feia interpretado por outro ator famoso de novela. A princípio, o escritor do romance, Fernando Gaitán, tinha em mente Guy Ecker para o papel principal, com quem havia trabalhado em Café com aroma de mulher. Mas durante a fase de casting, pediram ajuda ao ator Jorge Enrique Abello para ler a parte de Don Armando ao lado das atrizes que concorriam à personagem de Betty. E foi assim que ele conseguiu o papel.

9. Salma Hayek — A rainha do sul

Para o papel principal de Teresa Mendoza na novela da Telemundo A rainha do sul, foram consideradas algumas atrizes como Salma Hayek. No final, a escolhida foi a atriz mexicana Kate del Castillo. A novela bateu recordes de audiência nos Estados Unidos, Espanha, América Latina e México. O sucesso foi tão grande que em 2016 foi lançada uma adaptação em inglês — que terminou este ano, na quinta temporada — com Alice Braga como protagonista.

10. Jorge Aravena — A gata

O ator peruano Jorge Aravena tem uma longa jornada na telinha, mas viveu o melodrama na ficção e na vida real. Em 2012 decidiu abandonar sua participação na novela A que não podia amar porque “seu personagem não contribuía em nada para a história”. Em 2013 foi demitido da novela Porque el amor manda quando o ator principal sentiu que Aravena lhe ofuscava na trama. Mais tarde recebeu a oferta do papel do vilão em A gata, protagonizada por Maite Perroni e Daniel Arenas, mas Aravena recusou o papel e Jorge Poza foi contratado em seu lugar.

11. Angelique Boyer — Esmeralda

Angelique Boyer começou a atuar muito jovem e decidiu, com seus pais, procurar emprego na Televisa quando tinha 8 anos de idade. A atriz disse que fez a audição para a novela Esmeralda, mas não conseguiu o papel porque no teste lhe deram um leite ruim e isso prejudicou seu desempenho. Natasha Dupeyrón ganhou o papel, interpretando Esmeralda quando criança. Anos depois, um de seus sonhos mais desejados se tornou realidade: dividir a tela com Letícia Calderón, que interpretou Esmeralda em 1997.

12. Verónica Castro — O privilégio de amar

Em 1991 Valentín Pimstein, responsável pela produção da novela O privilégio de amar, tinha em mente Verónica Castro para a personagem Luciana, mas o produtor abandonou o projeto para fazer a novela La pícara soñadora. Sete anos depois, a diretora Carla Estrada retomou a produção e ofereceu o papel a Helena Rojo.

13. Érika Buenfil — Coração selvagem

Coração Selvagem, uma das novelas mais lembradas da história, poderia ter contado com Érika Buenfil no papel antagônico. José Rendón, produtor e diretor da novela, lhe propôs o papel da vilã Aimeé de Altamira, a irmã da Monica. Buenfil recusou a oferta porque queria o papel principal, mas Edith González já tinha sido escalada para isso. A personagem, no final, foi interpretada por Ana Colchero.

Você imagina esses famosos interpretando esses papéis perdidos ou recusados nos filmes ou novelas? Deixe sua opinião nos comentários!

Compartilhar este artigo