Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

11 Coisas que só são possíveis na família real britânica

2---
33k

Todos os membros da família real britânica passam muito tempo em público: estão sempre viajando, participando de eventos sociais, recebendo representantes de outros países. No entanto, apesar de parecer que a vida deles é um livro aberto, há muitos segredos interessantes escondidos.

O Incrível.club resolveu procurar respostas aos enigmais mais misteriosos da família real mais famosa do mundo. Ficou curioso? Então não perca nada deste post.

11. Eles não podem jogar "Banco Imobiliário"

Em 2008, o príncipe Andrew, o duque de York, comentou que os membros da família real não podem brincar de "Banco Imobiliário". Tudo porque as chances de se apaixonar rapidamente pelo jogo são grandes, criando uma competição acirrada entre os familiares.

10. A rainha Elizabeth II prefere roupas de cores fortes

No que diz respeito às roupas, a monarca prefere um estilo conservador, mas só em parte. Afinal, o mundo já a viu muitas vezes com figurinos em cores fortes: fúcsia, amarelo-limão, azul intenso.

"Não posso usar roupas beges, porque assim ninguém entenderia quem eu sou", disse a rainha a um de seus funcionários em certa ocasião. Suas preferências de cor não se explicam apenas pelo gosto extravagante, mas também funcionam para que a rainha se destaque na multidão.

9. A rainha celebra seu aniversário duas vezes

A rainha tem 2 aniversários. Um deles é oficial e varia de acordo com o país membro do Commonwealth - a comunidade de países que já foram colônias britânicas, como Canadá, Austrália e África do Sul. O segundo, 21 de abril, é o dia em que ela nasceu, em 1926. Na verdade, a rainha prefere comemorar o aniversário com um círculo familiar próximo. Já a celebração oficial acontece tradicionalmente em todo o país, com um desfile e inúmeras festas populares.

8. Não é permitido tocar nos membros da família real

Embora seja um fato bem conhecido, na vida real a regra é quebrada muitas vezes. Costuma acontecer, por exemplo, durante encontros com celebridades ou outras personalidades conhecidas.

7. Os membros da família real são obrigados a aceitar absolutamente todos os presentes

A etiqueta obriga os membros da família real a aceitar qualquer presente, oferecido por qualquer pessoa, com uma sincera amabilidade. O destino que é dado aos objetos é decidido pela rainha, já que todos os presentes pertencem à monarquia.

6. Elizabeth II estabelece o ambiente para os eventos

Se, um dia, você tiver a chance de jantar com a rainha, precisa saber que, assim que ela termine seu prato, todo mundo também deve deixar de lado os talheres e parar de comer. Esta regra é aplicada também aos demais membros da família real.

5. A rainha pode viajar sem passaporte

Para ir a um país estrangeiro, Elizabeth II não precisa apresentar um passaporte, pois o passaporte britânico é emitido no nome de Sua Majestade. Basta que ela apresente uma moeda ou cédula com sua imagem, mas na realidade, nem mesmo isso é requisitado. Vale destacar que os demais membros da família real não possuem este privilégio.

4. A família real tem seus próprias fontes de renda

A família real não vive apenas às custas do Estado. Ela possui diversas fontes de renda:

  • A maior parte dos fundos vem do Ducado de Lancaster. Isso inclui imóveis comerciais, agrícolas e residenciais. As rendas oriundas do Ducado de Lancaster vão direto para a Tesouraria, que repassa à rainha para os gastos que não são cobertos pela concessão soberana. A rainha possui ainda imóveis pessoais, como o palácio de Sandringhamm em Norfolk, o castelo de Balmoral, em Aberdeenshire, e outras mansões menores.

  • A rainha tem sua parte na organização "The Crown State", que administra bens imóveis na Grã-Bretanha e outros ativos da monarquia, transferidos em 1760. Por lei, todo o produto da "The Crown State" vai para a Tesouraria, e a rainha recebe 15%.

  • A rainha possui ainda uma coleção pessoal de joias, outra de selos postais, carros, cavalos, acervo de arte e a herança da Rainha Mãe.

3. Elizabeth II dirige sem carta de motorista nem placas

A rainha é a única pessoa em toda a Grã-Bretanha que tem esse direito. Durante a Segunda Guerra Mundial, ela foi mecânica de uma ambulância. Desde então, conduz automóveis sem nenhuma identificação. As testemunhas que viram a rainha ao volante dizem que ela nem sequer usa cinto de segurança.

2. Os membros da família real precisam da permissão da rainha para casar

De acordo com a última lei da herança da coroa, as seis primeiras pessoas com menos de 25 anos na linha de sucessão precisam pedir permissão à rainha para casar. Se ela for contra, o casamento é cancelado.

1. Ao casar com um membro da família real, você nunca sentará no trono

Esta regra é aplicada à própria rainha. Seu marido, o príncipe Philippe, tem o título de rei consorte, o que não lhe dá direito a tornar-se rei. Ele é grego, então não pode exigir ocupar o trono. O mesmo aconteceria com o príncipe William: caso ele se torne rei, a duquesa de Cambridge, Kate, trocará seu título pelo de rainha consorte.

2---
33k