Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Dados sobre o nosso Planeta que quase ninguém conhece

Se você acha que o ser humano já descobriu tudo que tinha para descobrir sobre a Terra, está muito enganado. Muitos cientistas brincam que conhecemos muito menos sobre o nosso Planeta do que sobre o Universo.

Juntamos alguns dados interessantes sobre a Terra que muito provavelmente vão te surpreender. Confira.

O Everest não é a montanha mais alta do Planeta

O vulcão Mauna Kea, no Havai, tem 4.205 metros acima do nível do mar, mas sua maior parte fica embaixo d'água. A altura total é de 10.203 metros, ou seja, 1.355 metros a mais que o Everest. Ou seja, o Everest é a montanha mais alta acima do nível do mar.

Os países têm fronteiras 'superiores'

A linha de Kármán é uma linha que fica 100 km acima do nível do mar. Embora a atmosfera terrestre tenha muitos km a mais, a Associação de Aviação Internacional aceitou essa linha como o limite entre a atmosfera e o espaço exterior.

O lugar mais seco do mundo fica na Antártida

As pessoas costumam acreditar que o lugar mais seco do mundo é o deserto do Atacama, no Chile, onde não chove há muito tempo. Mas existe um lugar na Terra onde não chove há 2 milhões de anos, são os Vales Secos de McMurdo, localizados na Antártida. É também nesse lugar onde sopram os ventos mais fortes do Planeta.

Apenas 3% da água do mundo é doce

Mais ou menos 97% da água do planeta fica em mares e oceanos e não é potável em função dos minerais. Dos outros 3%, 70% ficam em geleiras e glaciares e 20% no lago Baikal, o maior do mundo, na Rússia.

O templo mais antigo do mundo tem mais ou menos 12 mil anos

As ruínas do santuário mais antigo do mundo, Göbekli Tepe se encontram em território turco. Os desenhos encontrados deram aos cientistas a possibilidade para supor que há aproximadamente 11 mil anos um cometa caiu na Terra, causando as temperaturas mais frias já registradas.

A Lua era parte da Terra

Segundo uma teoria de cientistas suíços, há 4,36 bilhões de anos a Terra tangenciou um hipotético planeta chamado Theia, que 'arrancou' parte do nosso planeta e fez surgir a Lua.

Daqui a 250 milhões de anos os continentes voltarão a se encontrar

A Pangeia existiu há 335-175 milhões de anos e se dividiu em Laurásia e Gondwana, que deram origem aos continentes que conhecemos hoje em dia.

De acordo com alguns cientistas, daqui a 250-300 milhões de anos, todos os continentes voltarão a se encontrar, formando um super continente chamado a Última Pangeia.

Uma bactéria destruiu praticamente tudo que vivia sobre a Terra

Segundo a teoria de cientistas do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, Estados Unidos, a causa da extinção que aconteceu na Terra e fez desaparecer mais de 90% das espécies vivas foi uma bactéria chamada metanosartsina.

O aumento de sua quantidade nas águas dos oceanos há 252 milhões de anos provocou também uma extinção massiva de insetos.

A maior parte do Planeta sempre está 'mergulhada' na escuridão

Os oceanos ocupam 71% da superfície da Terra. A profundidade que a luz do Sol alcança nos mares não passa de 200 metros, fazendo com que o restante (a grandes profundidades) fique sempre na escuridão. Sendo assim, a maior parte do nosso Planeta está praticamente mergulhada em uma escuridão sem fim.

A diferença de horário em dois países vizinhos pode ser de mais de um dia

Apesar da distância entre Samoa Americana e as ilhas que pertencem a Kiribati, a diferença de horário é de 25 horas.

Imagem de capa wikipedia, momo/flickr