Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

A história de 8 objetos esportivos que usamos hoje

---1
181

Você já se perguntou por que alguns objetos esportivos são como são? Por que, por exemplo, as bolas de futebol mais clássicas possuem aquele aspecto de gomos pretos e brancos? Algum tempo atrás, todas essas coisas foram desenvolvidas por designers.

Neste post, o Incrível.club decidiu descobrir quem inventou os famosos objetos do mundo dos esportes.

Bola de futebol

A forma mais famosa da bola de futebol não é esférica, como nos acostumamos a ver, mas sim um icosaedro truncado. A superfície desta esfera consiste de 32 painéis costurados entre si: 20 hexágonos brancos e 12 polígonos pretos. A ideia de uma bola de 32 painéis foi inspiração do arquiteto norte-americano e designer Richard Buckminster Fuller. Ele estava à procura de novas maneiras de construir edifícios, que poderiam aproximá-los da forma esférica ou semi-esférica. A primeira bola similar foi criada pela empresa Adidas para a Copa do Mundo em 1970. E ela estreou bem, sendo usada por nada menos que a seleção brasileira tri-campeã mundial e comandada por Pelé!

Peças de xadrez

Em 1.º março de 1849 Nathaniel Cooke registrou o novo design original das peças de xadrez. Em 8 de setembro do mesmo ano, a revista The Ilustrated London News publicou um artigo no qual dizia que, para essa criação, houve a participação do famoso jogador de xadrez inglês Howard Staunton. O novo design foi batizado com o nome dele. O jogo de Staunton hoje é recomendado para as competições realizadas pela Associação Internacional de Xadrez.

Bola de golfe

Em 1905, o engenheiro inglês William Taylor patenteou uma bola com um design incomum: a sua superfície era coberta por cavidades. Taylor observou que os jogadores de golfe tentavam criar buracos em suas bolas para aumentar suas propriedades aerodinâmicas. Ele realizou várias pesquisas para determinar qual superfície de bola voaria mais e projetou uma bola com cavidades distribuídas uniformemente.

Hoje em dia as bolas de golfe com superfícies planas raramente são usadas. O número de cavidades aumentou de 250 a 450 e em alguns modelos a quantidade é superior a 1000.

Patins de gelo

O modelo dos patins modernos é baseado no protótipo de Jackson Haines, de 1860: as lâminas de espessura grossa com a ponta arredondada para cima e sem dentes. Haines começou a ajustar com precisão os patins justamente na sola do calçado.

Os dentes da ponta dos patins foram inventados pelo patinador sueco Karl Ulrich Salchow, no início do século XX. Eles foram necessários para facilitar a realização de saltos e movimentos. Então o patinador Nikolai Panin-Kolomenkin aperfeiçoou o modelo, tornando-o mais resistente. Desde então, somente a forma, a configuração dos dentes e a espessura das lâminas foram ligeiramente modificadas.

Patins de rodinha

Em 1960 surgiram os modelos de patins de roda para treinar patinação no gelo. Um dia, o jogador de hóquei Scott Olson os viu. Inspirado na ideia, Scott, com os irmãos Brennon e Jim, decidiu criar seus próprios patins. Eles remodelaram o desenho: os patins se tornaram uma só peça, com partes de poliuretano para o suporte, onde adicionaram rodas do mesmo material, uma estrutura de metal com dois suportes por roda e uma trava dianteira.

Em 1980 os irmãos Olson fundaram a empresa Rollerblade Inc., que se tornou líder mundial na produção de patins de rodinhas.

Raquetes de tênis

Em 1874, o inglês Walter Wingfield obteve a patente para inventar um jogo chamado 'Sphairistike': a partir desse momento começa a história do tênis. Em 1976, o engenheiro Howard Head projetou a raquete Prince Classic, com uma borda grande, feita de alumínio. As raquetes de tênis modernas são feitas de grafite. A primeira 100% de grafite, batizada de Cannon, foi apresentada em 1974 pela empresa americana Aldila.

Esqui alpino

Além do tênis, Howard Head teve muita influência no desenvolvimento do esqui alpino. No final de 1940, começou a criação do novo padrão para este tipo de esqui. Tratava-se do esqui de alumínio com um núcleo de madeira para maior resistência, uma superfície de plástico para melhor deslizamento e bordas de aço de carbono, que cortavam a neve, permitindo que as manobras fossem feitas mais rapidamente. Foi assim que surgiram os esquis alpinos HEAD Standart.

Nike Air

Em 1985, o designer americano Tinker Hatfield começou a trabalhar na Nike. Em um par de décadas, Hatfield se tornou uma lenda do design, projetando vários modelos que hoje são considerados clássicos, como Air Max 1, Air Trainer 1, Air Tech Challenge, Huarache e Air Raid.

Mas a jogada de mestre foi, mesmo, quando Hatfield conseguiu convencer Michael Jordan a fazer um contrato com a Nike. O resultado foi o Air Jordan, que hoje é usado por boxeadores, lutadores profissionais e jogadores de futebol.

Ah, e ele ainda criou aquele modelo Nike Mag, do filme De Volta para o Futuro Parte II.

Imagem de capa eastnews, pixabay
---1
181