Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

9 Mistérios que ninguém conseguiu resolver até hoje

1---
12k

Os códigos cifrados existem para esconder informações valiosas e para possibilitar que segredos continuem ocultos. Quando alguém chega a decifrar algum deles, pode acabar solucionando um mistério sobre outra pessoa ou até encontrar informações a respeito de um tesouro ou mesmo de uma civilização inteira. No entanto, há muitas mensagens que há séculos continuam sem solução.

O Incrível.club traz a seguir 9 mensagens codificadas e incomuns. Todas elas escondem algum mistério.

1. Código Serafiniano

Trata-se de um livro escrito nos anos 1970 pelo arquiteto italiano Luigi Serafini. É um atlas de um mundo imaginário que descreve em 360 páginas cada detalhe de sua existência, começando com o idioma, história, diversões e terminando com a arquitetura, fauna e leis da natureza próprias desse mundo.

O livro é considerado um mistério porque o texto é codificado, e ninguém conseguiu decifrá-lo até hoje. O autor ainda está vivo, mas se recusa a confirmar se o idioma usado existe de verdade. Uma das versões afirma que o livro revela a percepção do mundo sob a ótica das crianças. Aqui você pode ver o livro e tentar entendê-lo.

2. Mensagens do Assassino do Zodíaco

O Zodíaco foi um assassino em série que aterrorizou a população de São Francisco durante os anos de 1968 e 1969.

Ele assegurava que seu nome só seria descoberto quando fossem decifradas as 4 partes de seu código, que tinha sido enviado à polícia. Os detetives conseguiram decifrar apenas 3. Os 18 últimos caracteres continuam sendo um mistério. É possível que seja justamente nessa parte onde está o nome do assassino.

3. Cifras de Beale

Em 1822, Thomas J. Beale entregou uma caixa com chave ao dono de um hotel e pediu que ele a guardasse bem. Depois disso, desapareceu sem deixar rastros. Só em 1843 a caixa foi aberta. Dentro, havia 3 folhas de papel com mensagens cifradas e algumas anotações sobre o conteúdo. A primeira folha trazia as coordenadas, a segunda, o conteúdo, e a terceira, os nomes dos herdeiros.

Só a segunda folha pode ser compreendida, e falava sobre "três vagões cheios de ouro" que supostamente estariam no estado norte-americano da Virgínia, em alguma parte do distrito de Bedford. Em valores atuais, estima-se que o tesouro alcance a marca de 30 milhões de dólares. As duas folhas de papel restantes ainda não foram decifradas.

4. Código Dorabella

Edward Elgar, um compositor e criptólogo inglês, mandou uma carta codificada (87 caracteres) para sua amiga Dorabella Penny. A mensagem traz símbolos muito peculiares. Assim, a moça foi incapaz de decifrá-la.

Quarenta anos depois, ela publicou o material em sua biografia, o que chamou muito a atenção dos leitores. Há uma teoria segundo a qual a mensagem cifrada é uma melodia que Elgar teria escrito para a jovem.

5. Kryptos

O Kryptos é uma escultura de cobre que fica ao lado da sede da CIA, em Langley, EUA. O artista James Sanborn adicionou à obra uma mensagem codificada com 4 partes. Ele mencionou que a mensagem só poderá ser lida quando as 4 partes foram decifradas.

Até hoje, 3 das 4 partes foram solucionadas. Apesar dos esforços dos maiores criptólogos do mundo nos últimos 20 anos, o significado da quarta parte continua desconhecido.

6. Código de Shabboro

Em Staffordshire (Grã-Bretanha), existe um monumento do século 18 que reflete os acontecimentos existentes na obra "Os Pastores de Arcádia", de Nicolas Poussin. Ao observá-lo de perto, podemos ver uma sequência estranha de letras: DOUOSVAVVM, um código que continua sem solução por mais de 250 anos.

Muitos fizeram tentativas de encontrar a resposta, incluindo Charles Darwin e Charles Dickens, mas ninguém teve sucesso. Alguns criptólogos acham que pode ser uma pista deixada para os templários, indicando a localização do Santo Graal.

7. Barras de ouro do general Wang

Em 1993, o general Wang, de Xangai, China, recebeu um pacote com 7 barras de ouro, sendo que cada uma delas trazia mensagens cifradas. O código das barras é composto por ideogramas chineses e criptogramas em latim.

Até hoje, não se sabe nada sobre o remetente da encomenda, nem sobre o conteúdo da mensagem, que segue sem ser decodificada.

8. Código de Ricky McCormick

Em junho de 1999, em uma plantação de milho do Missouri, EUA, foi encontrado o corpo de Ricky McCormick, de 41 anos. Os policiais encontraram duas mensagens estranhas nos bolsos do cadáver, trazendo textos em código. Nem mesmo especialistas da CIA conseguiram decifrar as mensagens. 12 anos depois, com a esperança de obter ajuda, a polícia publicou os documentos na Internet. Mas até agora, ninguém pode dizer o que há escondido naquelas mensagens.

9. Caso "Tamam Shud"

Em 1 de dezembro de 1948, em uma das praias australianas, o corpo de um homem foi encontrado. Toda sua roupa estava sem etiquetas. No bolso oculto do agasalho do cadáver, os policiais encontraram um pedaço de papel com a inscrição "Tamam Shud", que significa "final".

Algum tempo depois, os investigadores encontraram um livro de poesia persa, de onde aquele trecho havia sido retirado, e descobriram uma mensagem cifrada. Contudo, nunca conseguiram dizer quem era aquele homem e nem o significado da mensagem.

Bônus: código Bacon

Francis Bacon foi um filósofo, historiador e escritor inglês. Ele criou um código de duas letras chamado código Bacon. Com sua ajuda , ele escondia diferentes mensagens em seus textos.

Existe a chamada teoria baconiana, segundo a qual teria sido o próprio Bacon o responsável pela publicação de vários textos usando o nome de Shakespeare. As evidências dessa teoria são o fato de que a biografia de Bacon, assim como sua assinatura, podem ser encontrada nas obras de Shakespeare.

E você, conhece algum caso parecido que não tenhamos contado?

1---
12k