14 Fatos curiosos sobre Portugal, um país onde Harry Potter é considerado um compatriota

Portugal é um dos países mais antigos da Europa. Quando mencionado, o associamos imediatamente às obras de arquitetura majestosa e ao mar. A cultura da população local, formada ao longo dos séculos, também inspira o desejo de conhecê-la melhor. Por exemplo, descobrir o que é de fato esse sentimento — saudade -, e por que os doces de gema são tão apreciados no país.

Nós, do Incrível.club, descobrimos novos fatos sobre o colorido Portugal e até conseguimos visitá-lo mentalmente, enquanto preparávamos este artigo.

Os portugueses sentem saudade

A palavra saudade não tem tradução exata para nenhum idioma. Entretanto, desempenha um papel importante na cultura e permite compreender a alma melancólica dos portugueses. Frequentemente, esse termo é associado à palavra “nostalgia”, mas está longe de ser a mesma coisa. Saudade é o sentimento de falta de algo que não existe no presente ou mesmo que nem exista.

Esse conceito surgiu na Era dos Descobrimentos quando os marinheiros partiram em direção ao desconhecido e seus familiares ficaram para trás, inundados por esse sentimento. O povo de Portugal nomeou“saudade” como a palavra do ano 2020, o que implica que nunca se entregou a tanta saudade como ultimamente.

Os portugueses não costumam ter a mesa de jantar na cozinha

cozinha típica de uma casa portuguesa é um espaço alongado sem cadeiras confortáveis, nem mesa. Essa área é destinada apenas ao preparo das refeições. Mas comê-las deve ser em uma sala de jantar, equipada separadamente para isso ou na sala de estar. Mesmo que as dimensões da casa ou apartamento sejam pequenas, os portugueses vão encontrar uma forma de colocar uma mesa de jantar grande ali.

No país, não se janta antes das 20h00

Muitos portugueses gostam de comer à noite. A última refeição habitualmente se dá entre às 20h00 e 22h00. Mesmo os restaurantes abrem apenas nesse horário, por volta das 19h00. Ainda assim, na primeira hora após a abertura, permanecem praticamente vazios. O pequeno-almoço (café da manhã para os portugueses) os locais o tomam às 8h00 da manhã e almoçam por volta das 13h00. Durante o dia, apenas fazem lanches.

Muitas sobremesas locais são à base de gema de ovo

Em Portugal existe um grande número de sobremesas à base de gemas, adicionadas à massa, recheio ou mesmo adoçadas como um prato independente. Essa é a prática desde a Era dos Descobrimentos. Na época, a clara de ovo era amplamente utilizada para fins domésticos, por exemplo, para a filtragem: as claras eram adicionadas às bebidas, recolhia as impurezas, as quais se depositavam no fundo dos recipientes. Jogar fora as gemas que sobravam seria um desperdício para os portugueses, por isso inventaram muitas receitas com elas.

Os portugueses ficam irritados quando alguém come andando

Os locais podem ficar ofendidos ao ver alguém caminhando e mastigando. Comer para os portugueses é um ritual sagrado; as refeições devem ser feitas à mesa e sem pressa. É claro que ninguém proibiu os estabelecimentos de comida de rua, mas é comum encontrar um local conveniente para consumir os produtos neles comprados. Em Portugal, é considerado de mal gosto comer andando.

Dizem que o mais belo McDonald’s está no país

Segundo os viajantes, o mais bonito restaurante da popular rede de fast-food do mundo situa-se no Porto. Está localizado em um edifício antigo, cujo interior mantém os elementos do estilo Art Déco: lustres de cristal, baixos-relevos e vitrais coloridos feitos por artistas talentosos. A entrada do estabelecimento é decorada com uma enorme águia de bronze. Os locais chamam o restaurante de “McDonald’s Imperial”.

Na véspera de Natal, você pode escorregar em uma casca de banana: todo mundo come bananas nesse dia

No dia 24 de dezembro, na cidade portuguesa de Braga, milhares de pessoas se reúnem nas ruas para a tradição chamada “Bananeiro”. Algumas horas antes da ceia de Natal em família, moradores e visitantes da cidade comemoram juntos o início do feriado, comendo uma banana, acompanhada de uma taça de moscatel.

O estado ajuda a escolher os nomes de recém-nascidos

No país, foram adotadas, no nível legislativo, listas de nomes permitidos e proibidos. A primeira inclui os nomes portugueses, pois permitem ao país manter a sua identidade. Na lista dos proibidos, podemos encontrar vários nomes da cultura popular, por exemplo, Ben-Hur, Nirvana, Hendrix.

Se os pais de primeira viagem decidirem dar à criança um nome que não se encontra na lista de permitidos, a autoridade ligada ao registro estadual normalmente o reprova. Os motivos da recusa podem ser, entre outros, tais formulações: o nome não soa bem em português, não corresponde ao gênero, coloca a pessoa em situação inconveniente.

Ambos os pais têm direito à licença maternidade

Em Portugal, assim como a licença maternidade, existe também uma “licença paternidade” de 20 dias, obrigatória para o pai. Ela deve ser usada ​​nas primeiras seis semanas de vida do bebê, imediatamente ou em partes. Ao mesmo tempo, o pai, conforme a lei, deve tirar cinco dias de férias imediatamente após o nascimento do bebê.

Após a conclusão do ensino médio, os jovens tiram férias de um ano

Os formados na escola não têm pressa em concorrer para admissão em uma instituição de ensino superior, mas tiram um ano de folga para descobrir sua vocação. Mesmo os meninos não têm problemas com isso: não há serviço militar obrigatório no país. Os portugueses chamam essas férias à maneira inglesa — gap year ou ano sabático. Os jovens pegam o dinheiro que economizaram do lanche escolar ou que ganharam de presente dos avós e vão viajar.

É comum presentear os funcionários sem motivo algum

Em Portugal, um presente a um colega ou parceiro não é considerado suborno, mas sim um sinal de respeito. Geralmente são feitos no início de uma reunião de negócios. Bebidas, livros, gravatas e lenços são dados ​​de presente. Recusar é mostra de deselegância e má educação. Presentear algo em troca também não é recomendado. Você só precisa enviar uma carta de agradecimento após a reunião. Além disso, as empresas portuguesas mandam saudações natalinas aos seus clientes enviando-lhes pequenas surpresas.

Papel higiênico não é o produto de higiene mais popular

Muitas pessoas em Portugal não usam papel higiênico em casa. Aparentemente, é considerado um desperdício injustificado em comparação com um bidê. A instalação dessa pequena banheira com fonte na casa de banho (banheiro em português europeu) é obrigatória desde 1975 e, segundo a população local, cumpre todos os requisitos de higiene. E isso apesar de o país ter uma empresa popular chamada Renova, que produz papel higiênico em cores alegres para exportação.

Em Portugal, é proibido usar o mar como banheiro

Em Portugal, existe uma proibição oficial que, muitas vezes, acaba citada em todos as “listas das leis mais estranhas da Europa”. Você não pode fazer nem o “número um” no oceano, caso contrário, pode ser preso. Claro, é improvável que tal ação seja aprovada em algum outro país, mas é inevitável a pergunta: como os infratores são pegos?

Harry Potter é português. Isso é o que eles pensam

Esses rumores têm como base o fato de J.K. Rowling ter morado e trabalhado como professora de inglês, no Porto, de 1991 a 1993. Nessa época, ela já tinha ideias sobre as aventuras do “menino que sobreviveu” e, segundo a própria autora, um de seus capítulos favoritos do primeiro livro surgiu no país. Assim, os guias turísticos orgulhosamente declaram que Harry Potter “nasceu” no Porto, e levam os turistas a locais coloridos, que, segundo garantem, se tornaram protótipos de muitos lugares do universo da saga.

Que novidades você aprendeu sobre essa terra encantadora? Ou talvez tenha a sorte de viver no país e possa nos contar mais alguma curiosidade portuguesa?

Compartilhar este artigo