Incrível

13 Objetos do cotidiano usados de maneira totalmente diferente da original

É comum, hoje em dia, usarmos objetos de uma forma totalmente diferente daquela para a qual foram projetados. Afinal, com o tempo vão aparecendo novos costumes e, consequentemente, novos usos e aplicações. Por exemplo, a massinha de modelar da marca Play-Doh foi desenvolvida para limpar fuligem do papel de parede (e hoje é um brinquedo de criança) e a máquina elétrica de tatuagem foi originalmente idealizada por Thomas Edison para fazer cópias de documentos.

Nós, do Incrível.club, adoramos descobrir a história dos objetos simples do dia a dia. Por isso, criamos uma lista com algumas das coisas mais comuns do cotidiano que utilizamos de uma maneira totalmente diferente da pensada originalmente. Confira!

1. Massinha de modelar Play-Doh

13 Objetos do cotidiano usados de maneira totalmente diferente da original

Nos anos 1930, o fabricante de sabão Kutol Products lançou uma substância macia e flexível que se assemelhava à borracha e cuja função era limpar a fuligem do papel de parede. Naquela época, era comum nas casas americanas o uso de aquecedores a carvão, o que fazia com que a fuligem acabasse se acumulando nas paredes. Assim, com a ajuda da massinha de modelar feita pela Kutol Products, era possível limpar minuciosamente o papel de parede sem correr o risco de danificá-lo.

Depois da Segunda Guerra Mundial, o aquecimento a gás natural tornou-se muito mais comum nos Estados Unidos. E com a popularização dos papéis de parede de vinil, o uso da massinha para limpeza tornou-se praticamente desnecessário. A empresa foi salva da falência por Joseph McVicker, sobrinho do proprietário da Kutol. Ele percebeu que as crianças frequentemente utilizavam a massinha para brincar e sugeriu à gerência que todo o negócio deveria ser reorganizado para atender esse público. Assim, foi criado o nome Play-Doh, e a massinha flexível à base de farinha tornou-se bastante popular entre o público infantil.

2. Sildenafila (viagra)

Esse medicamento foi desenvolvido para melhorar o fluxo sanguíneo no miocárdio, bem como para tratar a angina de peito e a cardiopatia isquêmica, ambas relacionadas à má irrigação sanguínea do coração. No entanto, em 1992, testes clínicos demonstraram que a sildenafila pouco afetava o fluxo sanguíneo cardíaco, aumentando, na verdade, o fluxo de sangue no órgão genital masculino. Atualmente, a marca mais famosa de medicamento à base de sildenafila é o Viagra, da Pfizer.

3. Máquina de tatuagem

O inventor Thomas Edison desenvolveu um dispositivo chamado “caneta elétrica”. Sua principal função era fazer cópias de arquivos e documentos, chegando a ganhar grande popularidade entre empresários e funcionários. Em 1891, o tatuador nova-iorquino Samuel O’Reilly fez algumas pequenas modificações no dispositivo e começou a utilizá-lo para fazer tatuagens. O design da “caneta elétrica” continua praticamente o mesmo até os dias de hoje.

4. Sapatos de salto alto

Inicialmente, os sapatos de salto alto eram utilizados para cavalgar, uma vez que permitiam prender as pernas com segurança no estribo, especialmente quando o cavaleiro ficava em pé sobre o cavalo em movimento. Hoje em dia, o famoso salto-alto é usado majoritariamente por mulheres e em diversas ocasiões do dia a dia.

5. Plástico-bolha

plástico-bolha foi desenvolvido em 1957 pelos engenheiros americanos Alfred Fielding e Marc Chavannes. Os inventores queriam criar um papel de parede fácil de lavar, por isso colaram duas camadas de cortina de plástico para banheiro nas paredes de sua garagem. Ocorreu que, entre as camadas das cortinas de plástico, ficaram algumas bolhas de ar, o que deu um design único a esse papel de parede exótico.

E apesar de esse ter sido o início do plástico-bolha, na época ninguém se interessou em adquirir o estranho papel de parede. Os engenheiros, então, sugeriram que sua invenção fosse utilizada em estufas, mas ainda assim o produto não decolou. Apenas em 1961, Alfred e Marc pensaram em utilizar seu papel de parede como uma embalagem protetora. Seu primeiro cliente foi a IBM, que passou a usar o plástico-bolha para proteger seus computadores durante o transporte. E foi dessa forma que o produto ganhou sua popularidade mundial, sendo bastante utilizado até hoje.

6. Aspartame (adoçante)

O aspartame foi desenvolvido em 1956 pelo químico James Schlatter. Ele sintetizou esse composto em um processo intermediário para a produção de um tetrapeptídeo do hormônio gastrina, utilizado no tratamento da úlcera gástrica. Durante seus experimentos, James acabou lambendo a ponta dos dedos sem saber que a substância tinha acidentalmente caído ali, pois queria levantar com firmeza uma folha de papel. Foi assim que descobriu o sabor adocicado do aspartame. 16 anos depois, esse composto adoçante começou a ser utilizado, inicialmente na Grã-Bretanha e nos Estados Unidos, e posteriormente em todo o mundo.

7. MTV

Inicialmente, o canal de televisão Music Televison, que iniciou suas transmissões nos EUA em 1º de agosto de 1981, passava apenas videoclipes 24 horas por dia. Mas com o passar dos anos, a programação passou a ser praticamente composta por programas de auditório, seriados, reality shows e desenhos animados, entre outros.

8. TLC

O mesmo aconteceu com o TLC. Ele iniciou suas transmissões em 1972 sob administração do Departamento de Saúde, Educação e Bem-Estar dos Estados Unidos e da NASA. O TLC, inicialmente, se chamava ACSN e era um canal educativo, semelhante à TV Cultura ou ao Canal Futura. Mas, na década de 80, ele foi privatizado e ganhou a nomenclatura The Learning Channel (“O Canal Educativo”, em tradução livre), como uma alusão ao seu conteúdo educativo, que depois foi encurtado para as iniciais TLC.

No entanto, com o decorrer do tempo, seriados, reality shows, programas de moda, estilo de vida, culinária, saúde e viagens, entre outros acabaram dominando a programação do canal. Por causa disso, em 1998, a direção do canal decidiu abandonar de vez qualquer associação de suas iniciais com o nome The Learning Channel.

9. Facebook

Facebook foi criado em 2004 como uma plataforma para facilitar a comunicação dos estudantes da Universidade de Harvard (e posteriormente de outras instituições de ensino). Em 2006, o site tornou-se aberto para todos os internautas maiores de 13 anos que tinham uma conta de e-mail, vindo a se tornar a rede social mais popular do Planeta.

10. Acendedor de cigarros automotivo

Em 1920, os primeiros acendedores de cigarros começaram a aparecer nos carros americanos. E na década de 1950, até os modelos mais populares começaram a também ser equipados com esse dispositivo. No entanto, hoje em dia quase ninguém mais utiliza o acendedor para seu propósito original — acender cigarros. Atualmente, muitos motoristas utilizam o conector do acendedor para carregar dispositivos eletrônicos, como telefones celulares, aspiradores de pó automotivos, transmissores de FM, aparelhos de GPS e até minichaleiras portáteis.

11. Aperto de mão

O aperto de mão surgiu, provavelmente, como uma forma de os primeiros homens demonstrarem uns aos outros que não estavam armados, deixando claro que não representavam uma ameaça ao outro. Hoje em dia, o aperto de mão é usado como saudação, despedida, gesto de congratulação e até como sinal de aprovação.

12. Absorvente

Os absorventes descartáveis foram desenvolvidos para ajudar a estancar sangramentos de soldados feridos. Mas em 1888, a companhia Johnson & Johnson lançou o primeiro lote comercial de absorventes descartáveis feitos especialmente para uso feminino durante o período de menstruação.

13. Telefone

Não é segredo que os telefones, incluindo os celulares, foram criados com o objetivo de facilitar e agilizar a comunicação entre as pessoas, possibilitando o contato instantâneo com qualquer lugar do mundo. No entanto, nos dias de hoje, os telefones clássicos quase não são mais usados, tendo sido praticamente substituídos pelos celulares, que, por sua vez, são cada vez mais utilizados para navegar na Internet, fazer pagamentos, jogar, tirar fotos e para diversos outros fins em vez de fazer ligações de voz.

Você conhece algum outro objeto do cotidiano que utilizamos de uma forma completamente diferente nos dias de hoje? Conte para a gente na seção de comentários.