Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

18 Histórias de quando as pessoas voltaram para casa e acharam um gato que nem era delas

6-26
779

Todos sabem que gato é um animal muito independente. Ele não tem limites nem noção de que há coisas que não são dele. As pessoas nos contaram histórias de como voltaram para casa e acharam um bichano perdido que não lhes pertencia. A audácia dessas criaturas é disparada: podem roubar comida e, depois, pedir um carinho com um olhar inocente. Parece que é normal para um gato arrumar outra casa quando sai para passear. Você já viu isso acontecer com um cachorro?

Entretanto, nem todos os gatos são mercenários. Nós, do Incrível.club, aprendemos que alguns apenas têm um coração grande demais e amam genuinamente todos os seus donos. Dois, três, quatro... Acompanhe!

“Este é o Dusty, o gato dos vizinhos. Ele gosta de fugir de casa para subir na nossa janela e ficar assim, parado, olhando para o meu namorado”

“O Bandido é o gato dos vizinhos. Decidiu que gostava mais de nós. Os vizinhos estavam desesperados para levá-lo para casa. Mas o bichano nos escolheu porque seus donos compraram um cachorro. E ele prefere brincar com os nossos gatos”

O gato que come mora em duas casas

A gatinha dos vizinhos sempre vem para pedir um carinho

“Uma vez o dono fez um anúncio sobre o desaparecimento do seu gato, assim descobrimos o nome dele. Conheça o Carlo! Ele entra sorrateiramente e se deita confortavelmente. Não vem para comer, apenas gosta de carinho”

“Uma das gatas dos vizinhos que nos visita todos os dias”

“Eu dei comida para a gata da minha vizinha por 5 anos, até que ela se mudou e a largou. Não tenho ideia de como alguém pode maltratar animais dessa maneira. Agora é a minha menina preciosa”

“Roubou três sacos de comida deliciosa da minha casa e não sente remorsos”

“Acabamos de comprar uma casa e ganhamos um gato de brinde”

“Nosso amado garoto de cor laranja não voltou para casa há algumas semanas e eu estava terrivelmente triste e assustada. Graças a Deus ele está bem. Parece que se mudou! Agora conhecemos seu novo dono e seu novo nome — Milo”

Em casa é calmo, na rua é um terror

“Meus vizinhos acabaram de colocar a casa deles à venda. Não pude deixar de olhar o anúncio no Zoopla. Uau! É o nosso gato!”

“Os donos adotaram cachorros que não se deram bem com o gato. Então, ele achou abrigo na minha casa”

“Quando minha irmã foi visitar seus amigos, esta gatinha linda decidiu segui-la, não querendo deixá-la sozinha. A gata ficou com minha irmã por alguns dias e depois voltou para sua família”

“Que beleza... É meu gato, mas não é minha casa”

“A história é sobre o ’não é meu gato’. Passei uma eternidade tentando expulsá-lo de casa gentilmente, mas fui completamente ignorado. Finalmente, tive de pegá-lo e levá-lo para fora. Que insultado ele parecia!”

“Não é minha gata, mas já dormiu nos meus vasos de flores muitas vezes. Por isso, quando chegou hoje, dei-lhe a cama que fiz para ela”

“’Se eu entrar na bolsa, ninguém vai me notar’, pensou o gato que não era meu”

Você já encontrou um gato desconhecido na sua casa? Comente.

Imagem de capa generoom / Twitter
6-26
779
Compartilhar este artigo